X

Cotidiano

Operação flagra corte de Mata Atlântica em parque Estadual de Cananeia

Com cerca de 40 mil hectares nos municípios de Cananeia e Jacupiranga, o Parque Estadual do Lagamar foi criado em 2008 e integra o Mosaico de Unidades de Conservação do Jacupiranga, um dos maiores ecossistemas de Mata Atlântica do Brasil.

Estadão Conteúdo

Publicado em 10/11/2018 às 19:01

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Parque Estadual Lagamar, unidade de conservação de proteção integral, em Cananéia, litoral sul do Estado de São Paulo. / Manufatura de Ideias

Uma operação da Polícia Ambiental flagrou o desmatamento de uma área de 50 mil metros quadrados de mata atlântica no interior do Parque Estadual Lagamar, unidade de conservação de proteção integral, em Cananéia, litoral sul do Estado de São Paulo. A derrubada aconteceu numa área em que os limites do parque se sobrepõem a uma fazenda de produção de bananas. O dono foi multado em R$ 132 mil, mas a multa ainda pode ser aumentada.

Nesta sexta-feira, 9, técnicos da Secretaria Estadual do Meio Ambiente calculavam o total de árvores nativas derrubadas ou comprometidas pela ação predatória. Os ambientais detectaram indícios da degradação durante sobrevoo à região, na última quarta-feira, 7. Em incursão por terra, a equipe encontrou centenas de árvores derrubadas. Ao menos 20 árvores de maior porte, ainda em pé, tinham sido submetidas a uma técnica conhecida como "roletagem", em que a casca é retirada para impedir a passagem da seiva, levando o espécime florestal ao secamento.

Conforme a Ambiental, a técnica é empregada para dissimular o desmatamento e impedir que a clareira seja identificada pelo monitoramento via satélite. No local, foi apreendia uma motosserra de uso não autorizado. O dono da área, que não teve o nome divulgado, já havia feito o plantio de bananeiras sob a copa das árvores. Ele foi autuado e vai responder em liberdade por crime ambiental, mas ainda pode recorrer da imposição da multa. Conforme a Polícia Ambiental, o mesmo bananicultor já havia sido multado anteriormente em R$ 31 mil pelo corte de mais de 100 árvores da espécie jacatirão em sua fazenda.

Com cerca de 40 mil hectares nos municípios de Cananeia e Jacupiranga, o Parque Estadual do Lagamar foi criado em 2008 e integra o Mosaico de Unidades de Conservação do Jacupiranga, um dos maiores ecossistemas de Mata Atlântica do Brasil. Na área, foram identificados grupos de mico-leão-da-cara-preta, espécie criticamente em perigo de extinção. Na face voltada para o Oceano Atlântico, um complexo estuarino é considerado um dos principais criadouros de espécies aquáticas do Estado.

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Mundo

Argentina barra acesso de brasileiros alegando 'falso turismo'

Nos últimos dois meses, diversas universitárias relataram terem sido barradas no aeroporto por autoridades argentinas

Diário Mais

Por que algumas pessoas fazem o sinal da cruz ao passar por um cemitério?

Gesto tem explicação religiosa

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter