X
Cotidiano

Ônibus de Cubatão ficarão sem cobradores

A situação, que já gerou centenas de desempregados na região, já ocorre em todas as demais cidades da Baixada Santista

Câmara de Cubatão autorizou projeto de lei que dispensa o uso de cobradores / Arquivo/DL

A Câmara de Cubatão aprovou ontem, em duas discussões, o projeto de lei, de autoria do Executivo, que revoga a lei de 2004 e autoriza a empresa de ônibus concessionária do serviço de transporte público a dispensar o uso de cobradores e optar pelo sistema de bilhetagem eletrônica ou obrigar motoristas a cumprir a função.

A situação, que já gerou centenas de desempregados na região, já ocorre em todas as demais cidades da Baixada Santista. Os vereadores Rafael Tucla (PT) e Toninho Vieira (PSDB) votaram contra o projeto.

Também ontem, em segunda discussão, a Câmara aprovou a emenda à lei orgânica do Município, também de autoria do Executivo, que permite a cobrança da taxa de iluminação pública. Vale lembrar que proposta já havia sido rejeitada duas vezes no plenário da Casa, inclusive quando Ademário era vereador. Ele votou a favor do projeto em 2016 e contra em 2014. Na duas oportunidades anteriores, houve até um abaixo-assinado com cerca de cinco mil munícipes que se manifestaram contra a cobrança.

Toninho Vieira (PSDB) também votou contra. Já o vereador Fábio Alves Moreira, o Roxinho (PMDB), relembrou ter votado contra este mesmo projeto em 2016, porém a propositura deste ano, segundo ele contou, com estudo mais detalhado justificando seu posicionamento favorável.

“O parque de iluminação está comprometido”, disse o vereador Ivan Hildebrando (PSB), justificando seu voto a favor. Rafael Tucla (PT) lembrou que esse assunto vinha sendo um apontamento continuo do tribunal de contas pela cobrança ser uma exigência legal.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Eleições 2022

Para aliados de Lula e Alckmin, Moro e Ciro atacam chapa em tática contra afunilamento

Pesquisa Datafolha de dezembro mostrou chance de Lula vencer no primeiro turno. O ex-presidente alcançou 48%, seguido de Jair Bolsonaro (PL), com 22%, Moro (9%) e Ciro (7%)

Baixada

PM aborda negro em carro de luxo e aponta arma para ele na balsa entre Santos e Guarujá

O cantor lírico ocupava o banco do motorista de seu carro da marca Jeep, considerada de alto padrão, quando um policial apontou uma arma para o seu rosto e ordenou que ele descesse do automóvel, com as mãos erguidas

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software