Obras do Santos C na Zona Noroeste devem iniciar neste semestre

O terreno fica na Avenida Afonso Schimidt, 102, mais conhecida como Estradão

Comentar
Compartilhar
14 MAR 201322h30

As obras do conjunto habitacional Santos C - da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) - no Jardim Castelo, na Zona Noroeste de Santos, devem iniciar ainda neste semestre. Para a construção do edifício, a Prefeitura está cedendo uma área de 15 mil metros quadrados do pátio de veículos ocupado hoje pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). O terreno fica na Avenida Afonso Schimidt, 102, mais conhecida como Estradão.

O gerente regional da CDHU, José Marcelo Ferreira Marques, afirmou que a CDHU está apenas aguardando o término da remoção dos veículos para programar o início das obras junto com a Construtora Croma Ltda, vencedora da licitação. A transferência total dos veículos da área cedida deve ocorrer até o final deste mês, segundo informou a assessoria de imprensa da CET.

O conjunto com 320 apartamentos de dois dormitórios, sala, cozinha, banheiro e área de serviço está orçado em R$ 7.800.163,00 (sete milhões, oitocentos mil e cento e sessenta e três reais) e deverá ser concluído em 18 meses a partir do começo das obras.

Outro conjunto também será erguido no local. O Santos N, com 180 moradias tem custo de R$ 5.771.786,59 (cinco milhões, setecentos e setenta e um mil, setecentos e oitenta e seis reais e cinquenta e nove centavos).

De acordo com Marques, a empresa que construirá o prédio será a Lopes Kalil Engenharia e Comércio Ltda. A ordem de serviço já foi expedida e o contrato para a execução das obras deve estar pronto até o final deste mês, com prazo previsto de 18 meses entre início e término dos trabalhos. Os apartamentos também terão dois dormitórios, sala, cozinha, banheiro e área de serviço.  

Pátio

Segundo a CET, os veículos do pátio estão em estado de sucata. Ônibus, caminhões e reboques estão sendo removidos para um terreno no Valongo, onde ficarão provisoriamente, já os automóveis estão sendo transferidos para uma área ao lado do terreno do pátio. Há cerca de um mês, todos os veículos, incluindo motocicletas, estão sendo transferidos para um pátio provisório na Rua Silva jardim, 136, no Macuco. Ali, estão recolhidos 110 autos de passeio, 260 motos e 16 caminhões.