Nepal: número de mortes confirmadas em terremoto sobe para mais de 4 mil

A expectativa do governo nepalês é de que o número suba ainda mais, à medida que as equipes de resgate chegam às áreas mais remotas, de difícil acesso

Comentar
Compartilhar
27 ABR 201512h47

O número oficial de mortes causadas pelo terremoto de 7,8 graus que devastou o Nepal no sábado já passa dos 4 mil, segundo estimativa divulgada pela polícia nepalesa através do Facebook, nesta segunda-feira. Os feridos chegam a cerca de 7.180 pessoas.

Além disso, uma avalanche causada pelo terremoto no sábado matou 18 pessoas no campo base do Monte Everest, 61 pessoas morreram na Índia e a China divulgou que 25 pessoas morreram no Tibet.

A expectativa do governo nepalês é de que o número suba ainda mais, à medida que as equipes de resgate chegam às áreas mais remotas, de difícil acesso.

O número oficial de mortes causadas pelo terremoto de 7,8 graus que devastou o Nepal no sábado já passa dos 4 mil (Foto: Altaf Qadri/Associated Press/Estadão Conteúdo)

A chegada de aviões com ajuda e equipes de médicos e de resgate causou um enorme caos no pequeno aeroporto de Katmandu. Quatro aviões militares da Índia transportando suprimentos foram obrigados a retornar para Nova Deli nesta segunda-feira devido ao grande tráfego no aeroporto, informou o porta-voz do ministro da Defesa, Sitanshu Kar. O país planeja reenviar os aviões no fim do dia, pois espera-se que a situação no aeroporto esteja controlada.