Mulheres das comunidades de Guarujá visitam o o maior aquário da América do Sul

Os convites gratuitos foram distribuídos aos CRAS e às entidades parceiras da Assistência do Município, totalizando em 650 ingressos

Comentar
Compartilhar
27 MAR 201416h09

A visita gratuita ao Acqua Mundo, na Enseada, foi mais uma homenagem da Prefeitura de Guarujá na Programação do Mês da Mulher. A iniciativa de privilegiar 650 mulheres surgiu do Fundo Social juntamente com a Assessoria de Política para as Mulheres.

O passeio aconteceu na última quarta-feira (26), na Avenida Miguel Estéfno, nº 2001, Enseada. O início do tour começou às 10h e teve fim às 17h. Pela manhã, um grupo do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) da sediado na Enseada. O grupo composto por 15 pessoas entre elas mães, filhos e avós, integrava as mulheres que participaram das palestras realizadas pelo Programa Renda Cidadã.

Segundo a responsável pela Assessoria de Política para as Mulheres, as beneficiadas pela ação estão vinculadas ao Centro de Referência de Assistência Social CRAS ou às instituições parceiras da Assistência Social do Município. Sendo a ação voltada para as regiões de baixa renda, abrangendo a Vila Baiana, Vila Rã, Areião, Prainha Branca e Perequê.

Conhecer o aquário que é considerado como o maior da América Latina custaria R$30,00, e se o passeio acrescentasse uma criança como companhia, o valor da entrada chegaria a R$45,00. “Dificilmente elas teriam a oportunidade de vir, devido ao preço. Então é uma ação em que elas se sentem mais valorizadas, por terem esse momento exclusivo, só delas”, comenta a Assistente Social da Unidade do CRAS da Enseada, Adriana Santos.

Além de ter a oportunidade de poder ver de perto peixes e tartarugas marinhas, dos mais variados tamanhos, puderam também presenciar junto com os filhos a experiência de entender a curiosa vida dos seres vindos do mar.

A diretora do Fundo Social Elizabete Maria Gracia da Fonseca conta que “a atividade tem o papel de mostrar solidariedade em trazê-las aqui, propondo um dia diferente”.

Roseli da Silva dos Santos, uma das contempladas com o convite gratuito, pode ir ao Aquário estando grávida junto com os seus outros dois filhos pequenos: “Eu não conhecia o trabalho deles, gostei bastante. E o que mais me chamou atenção foram os pinguins, porque eles são mais movimentados”, descreve.