MSC Fantasia retorna ao Porto de Santos após duas mortes nesta semana

A Polícia Federal (PF) ouviu nesta manhã os passageiros que tiveram contato com o arquiteto Luciano de Lucca, morto sábado

Comentar
Compartilhar
16 FEV 201315h51

O navio MSC Fantasia está atracado no Armazém 30 do Porto de Santos, desde a manhã deste sábado (16), após após a morte de duas pessoas. A Polícia Federal (PF) ouviu nesta manhã os passageiros que tiveram contato com o arquiteto Luciano de Lucca, morto no último sábado.

Ele caiu da sacada do 11º andar da cabine onde estava hospedado no navio, quando a embarcação se preparava para deixar Santos. O corpo do turista foi encontrado no mar, na última terça-feira, entre os armazéns 33 e 34.

Segundo a PF, estão inicialmente descartadas, de ele ter sido vítima de um homicídio ou ter cometido suicídio. Em até 20 dias serão divulgados os exames, realizados pelo Instituto Médico Legal de Santos no corpo do turista, sepultado na quarta-feira.

Na manhã desta sexta-feira (15), um tripulante do navio MSC Fantasia morreu em Salvador, na Bahia, após ficar quatro dias internado com sintomas de meningite. Segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária, o mesmo foi diagnosticado como portador de leucemia aguda.

O  indiano, que não teve o nome revelado, começou a passar mal ainda no início da viagem à capital baiana. Ele foi atendido pela equipe de médicos do navio, mas teve o quadro de saúde agravado e precisou ser encaminhado a um hospital, em Salvador, na última terça-feira.

Em nota, a MSC Cruzeiros informou que prestou o suporte necessário para que o tripulante tivesse todo o atendimento preciso desde o desembarque do navio até os cuidados no hospital, e que, no dia da ocorrência, comunicou as autoridades competentes para conhecimento do caso.