X

Cotidiano

Medida provisória libera R$ 4 bi em empréstimos para Santas Casas do país

Os recursos virão do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) e serão liberados por três instituições financeiras públicas: Banco do Brasil, Caixa e BNDES

Folhapress

Publicado em 16/08/2018 às 17:19

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

O presidente Michel Temer assinou nesta quinta-feira (16) uma medida provisória que vai liberar cerca de R$ 4 bilhões em linha de crédito para as Santas Casas de todo o país / Rodrigo Montaldi/DL

O presidente Michel Temer assinou nesta quinta-feira (16) uma medida provisória que vai liberar cerca de R$ 4 bilhões em linha de crédito para as Santas Casas de todo o país.

Os recursos virão do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) e serão liberados por três instituições financeiras públicas: Banco do Brasil, Caixa e BNDES.

De acordo com o ministro da Saúde, Gilberto Occhi, o texto assinado nesta quinta por Temer libera 5% do FGTS para as instituições de saúde. Com orçamento de R$ 83 bilhões previsto para este ano, a estimativa é de que esses recursos fiquem em torno de R$ 4 bilhões. 

Occhi explica que, para que o dinheiro chegue às Santas Casas é preciso uma aprovação do Conselho Curador do FGTS, cuja reunião deve ser convocada pelo ministro do Trabalho, Caio Vieira de Mello. O ministro estima que, após o encontro, o financiamento deve ser liberado em até 30 dias. 

As instituições terão um prazo de dez anos para pagamento do empréstimo, que será concedido a uma taxa de juros em torno de 8,66% ao ano. Segundo Occhi, esse é um patamar que representa quase a metade das taxas cobradas pelos bancos privados atualmente, de 17% a 18% ao ano.

O dinheiro tomado poderá ser aplicado para diversas atividades como custeio, pagamento de fornecedores, investimentos, aquisição de equipamentos e também para abatimento e renegociação de dívidas.

Occhi afirma que esse modelo tem baixa taxa de calote já que o empréstimo pode ser consignado em até 35% dos recursos passados pelo Ministério da Saúde às Santas Casas.

O governo paga às instituições, por meio do Fundo Nacional de Saúde, pelo atendimento feito a brasileiros por meio do SUS (Sistema Único de Saúde). 

Na cerimônia, Temer exaltou as Santas Casas dizendo que elas são aliadas indispensáveis do SUS

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Polícia

Homem é esfaqueado em briga no Atacadão, em Santos

O caso ocorreu no Atacadão da Avenida Nossa Senhora de Fátima, no bairro Chico de Paula.

Polícia

Jovem morre após ser agredido por dois estudantes em Praia Grande, diz família

O caso foi registrado na Polícia Civil e a causa da morte ainda está sendo investigada

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter