Maria Antonieta sanciona doação de área para Projeto Enseada

Mais uma etapa para a implantação do Programa de Aceleração ao Crescimento – PAC 2, na região da Enseada.

Comentar
Compartilhar
14 FEV 201320h37

A Prefeitura de Guarujá apresentou ao Legislativo guarujaense o projeto de lei que autoriza a doação de área ao Fundo de Arrendamento Residencial (FAR), administrado pela Caixa Econômica Federal e destinado à implantação do Projeto Enseada – Programa de Aceleração ao Crescimento (PAC 2). Com aprovação do projeto, a prefeita Maria Antonieta de Brito sanciona a lei nos próximos dias.

A permissão e doação da área para o FAR é uma etapa fundamental para o término da regularização fundiária do local e para as novas moradias. Com a doação, a Caixa Econômica pode dar inicio a contratação de empresas para produção habitacional. São 50 mil metros quadrados, devidamente registrados no cartório de imóveis, para loteamento e ainda com espaços para a implantação de equipamentos públicos.

O Projeto Enseada é contemplado pelo PAC 2, com investimento de R$ 103 milhões. A iniciativa vai atender, além da comunidade Cantagalo, moradores da Vila Júlia, Vale da Morte, Jardim Três Marias, Vila Baiana, Barreira e Cidade Atlântica 2. Serão consolidadas 1.411 unidades habitacionais e construídas 1.148 novas moradias, beneficiando os moradores das áreas de risco da região.

O Projeto Enseada é contemplado pelo PAC 2, com investimento de R$ 103 milhões (Foto: Divulgação)