Márcio França libera R$ 2 milhões para pavimentação em São Vicente

O político visitou ainda as obras de desobstrução e recuperação do Canal do Meio, no México 70, Vila Margarida

Comentar
Compartilhar
09 ABR 2018Por Rafaella Martinez19h28
'Vamos liberar o quanto for necessário. Já foram mais de R$ 60 milhões no México 70', disseFoto: Rodrigo Montaldi/DL

O governador do Estado de São Paulo, Márcio França (PSB), esteve em seu reduto político, na manhã de hoje (9), e liberou R$ 2 milhões, por meio de um convênio entre o Governo do Estado e a Prefeitura de São Vicente, para a duplicação da Avenida Quarentenário, na Área Continental, para a pavimentação da avenida que margeia o Canal do Meio, no México 70, e o que restar será investido na pavimentação de outras vias.  

“Todo movimento da Área Continental passa por aqui. Isso vai facilitar muito a vida das pessoas”, disse França sobre a duplicação da avenida (Quarentenário).

O político visitou ainda as obras de desobstrução e recuperação do Canal do Meio, no México 70, Vila Margarida.  A área era tomada por palafitas e tem sido recuperada também por meio de parceria entre o Governo e a Prefeitura. Em outubro passado, 306 famílias foram encaminhadas a moradias populares nos conjuntos Primavera e Penedo, também no município.

“É um ato simbólico, pois esse era o sonho do ex-governador Mário Covas”, destacou França. Foi na Mexico-70 que Covas fez sua última agenda de trabalho antes de falecer, em março de 2001. O governador informou que vai liberar recursos para que a prefeitura consiga completar as obras de urbanização do Canal do Meio. “Vamos liberar o quanto for necessário. Para essa etapa foram R$ 10 milhões, mas no total já foram mais de R$ 60 milhões”.

A obra beneficia os moradores da México 70, já que a desobstrução do Canal do Meio permitirá melhor vazão das águas pluviais e da maré, contribuindo para o fim dos alagamentos.

O prefeito de São Vicente Pedro Gouvêa, estima que em doze meses a obra seja finalizada. “No primeiro momento transferimos as famílias de área de ocupações para o Conjunto Habitacional Primavera-Penedo e agora seguimos com a pavimentação. Na segunda fase vamos pavimentar até o final da avenida”, conta.

‘Temos esperança em dias melhores aqui’

A multidão corria pela rua de terra do Canal do Meio para acompanhar a comitiva do governador, que acenava e cumprimentava os moradores do bairro.

Enquanto olhava o movimento, o senhor Edilson Brasil sorria satisfeito por ver Márcio França segurar a camisa do Grêmio Recreativo Unidos do 70, uma lembrança dada pela comunidade para o político que nasceu em São Vicente e hoje alça voos maiores no Palácio dos Bandeirantes. “A gente lembra de quando ele veio aqui visitar as casas para a campanha para a Prefeitura. Hoje ele volta com um posto importante. Temos esperança em dias melhores por conta disso”, conta o presidente do Clube Primavera.

Na rua que recebe as primeiras etapas do asfalto, o senhor Edvaldo Ferreira se lembra da época que caçava caranguejo e siri na região. “Depois disso as palafitas começaram a surgir e a gente não fez mais isso. Até uns seis meses atrás era assim: isso aqui tudo era palafita e agora está melhorando”, destaca.

Morador do bairro há 28 anos, João da Silva comemora as obras, mas faz algumas reinvindicações. “As pontes estão caindo e a população do bairro também precisa de escola e um posto de saúde. A gente costuma ver político aqui só quando alguma palafita pega fogo ou durante o período eleitoral. Espero que dessa vez as coisas avancem de verdade, pois o povo precisa”, finaliza.