Manchas avistadas hoje entre Santos e Guarujá não são de óleo

A suspeita inicial é de que seja consequência de proliferação de algas

Comentar
Compartilhar
08 NOV 2019Por Vanessa Pimentel17h00
Supostas manchas de óleo foram avistadas hoje próximas ao Farol da Moela, entre Santos e GuarujáFoto: Reprodução

Supostas manchas de óleo foram avistadas hoje próximas ao Farol da Moela, entre Santos e Guarujá. A Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp) foi ao local para verificar a situação. A Secretaria de Meio Ambiente de Santos (Semam) também está acompanhando o caso.  

Há pouco, a Santos Port Authority (SPA/Codesp) explicou à Reportagem que recebeu do escritório local do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Renováveis (Ibama), a informação de que teriam sido avistadas manchas de óleo na área de fundeio do Porto de Santos. 

A equipe da Superintendência de Meio Ambiente da SPA foi até a região e encontrou uma mancha, mas foi constatada que não era óleo. A suspeita inicial é de que seja consequência de proliferação de algas.

Foram colhidas amostras do material, que seguirão para análise.