Mais de 297 mil veículos passaram pelo SAI durante o feriado da Independência

Número de veículos em direção ao litoral ficou dentro do esperado pela Ecovias

Comentar
Compartilhar
10 SET 2018Por Da Reportagem14h00
Mais de 297 mil veículos passaram pelo SAI durante o feriado da IndependênciaMais de 297 mil veículos passaram pelo SAI durante o feriado da IndependênciaFoto: Rodrigo Montaldi/DL

Neste feriado da Independência a Ecovias, concessionária que administra o Sistema Anchieta-Imigrantes (SAI), registrou a passagem de 297.965 veículos rumo ao litoral entre 0h de quinta-feira, dia 06 de setembro, e 23h59 de domingo, 9 de setembro. O número ficou dentro da expectativa da concessionária, que esperava a passagem de até 370 mil veículos neste período.

O pico de tráfego na descida da Serra foi registrado entre 10h e 11h de sexta-feira (7), quando 8.424 veículos utilizaram o SAI em direção ao litoral. Neste período, a Operação Descida (7x3) já estava em vigor nas rodovias do SAI, ou seja, os motoristas tinham à disposição as duas pistas da Anchieta e a pista sul da Imigrantes para a descida. A subida, por sua vez, ocorria pela pista norte da rodovia dos Imigrantes.

Já o momento de tráfego mais intenso na subida foi registrado entre 11h e 12h de domingo (9), quando 10.568 veículos utilizaram as rodovias do trecho de concessão da Ecovias em direção à Capital Paulista. Na ocasião, a Operação Subida (2x8) estava em vigor e dava aos motoristas a opção de trafegar pelas duas pistas da Imigrantes ou pela pista norte da Anchieta. Já os usuários que seguiam em direção ao litoral utilizavam a pista sul da Anchieta.

Acidentes e atendimentos

Durante o feriado, foram registrados 63 acidentes nas rodovias do Sistema Anchieta-Imigrantes. No total, foram 25 feridos e três mortes.

Ao longo dos quatro dias de contagem do feriado, a concessionária atendeu 1.438 usuários que precisaram de auxílio nas rodovias. Destes atendimentos, 817 foram ocorrências por panes mecânicas, 495 necessitaram do apoio de guincho e 126 solicitaram socorro médico.