X
Cotidiano

Justiça: Prefeitura de Cubatão tem que cumprir a LDB

A Justiça determinou multa diária de R$ 10 mil por sala de aula em que for constatado excesso de alunos

A Prefeitura de Cubatão tem que cumprir a Lei de Diretrizes e Bases / Matheus Tagé/Arquivo DL

A juíza da 3ª Vara de Justiça, Fernanda Regina Balbi Lombardi, acatou, liminarmente (provisoriamente), ação civil pública por improbidade administrativa, contra a Prefeitura de Cubatão, impetrada pelo Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo (APEOESP) e pelo Sindicato dos Professores de Cubatão, para que a Administração, em 30 dias (até 10 de maio), se adeque ao correto número de alunos por sala de aula, conforme o artigo 25 da Lei de Diretrizes e Bases (LDB) da Educação. A Justiça determinou multa diária de R$ 10 mil por sala de aula em que for constatado excesso de alunos.

O aumento do número de alunos ocorreu por intermédio do Decreto 10.696, de 19 de dezembro último. A juíza salienta que o Ministério Público (MP) já havia recomendado a revogação dos artigos 10 e 11, do decreto, que atinge crianças da Educação Infantil e Ensino Fundamental, alegando “retrocesso social”.

Os artigos

O artigo 10 determinava o seguinte: Infantil (18 alunos por professor); Infantil I e II (24) e Infantil III (30 alunos por professor). Já o artigo 11 permitia que na Educação Infantil II e no Ensino Fundamental o limite de 25 crianças de quatro a cinco anos por professor; 30 alunos por sala do 1º ao 3º ano; 35 alunos do 4º ao 5º ano e, até 40 alunos por professor do 6º ao 9º ano.

A LDB

A LDB preconiza o seguinte: crianças até um ano de idade: máximo de cinco alunos por professor; de um a dois anos (oito alunos); de dois a três anos (13 alunos); e três a quatro anos (15 alunos); de quatro a cinco anos (20 alunos); nos cinco primeiros anos do Ensino Fundamental (máximo de 25 alunos por professor) e, nos anos finais do Ensino Fundamental, no máximo de 35 alunos por professor.

Prefeitura

A Secretaria de Educação informa que já foi notificada sobre a liminar e elaborou minuta para novo decreto revisando os artigos citados, atualmente em fase de revisão e finalização junto aos demais órgãos da Prefeitura.

 

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Santos

Encosta de morro santista recebe cortina de concreto para contenção

O Morro do Fontana, em Santos, está passando por obras de contenção, para sanar os problemas provocados pelo deslizamento de terra durante as fortes chuvas do ano passado

Polícia

Receita Federal faz cinco apreensões de cocaína em menos de 48 horas no Porto de Santos

As apreensões totalizaram 681 kg e ocorreram nos dias 25 e 26 de novembro

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software