Ibama libera nova etapa de exploração do pré-sal da Bacia de Santos

A licença de operação emitida pelo Ibama autoriza o chamado "Teste de Longa Duração" que será realizado pelo navio-plataforma BW Cidade de São Vicente, em área de cessão onerosa

Comentar
Compartilhar
08 MAI 201514h54

Foi autorizado nesta sexta-feira, 08, o início de mais uma operação de produção e escoamento de petróleo e gás natural no polo pré-sal da Bacia de Santos. A licença de operação emitida pelo Ibama autoriza o chamado "Teste de Longa Duração" que será realizado pelo navio-plataforma BW Cidade de São Vicente, em área de cessão onerosa.

Esse é o segundo processo de licenciamento realizado dentro do polo pré-sal da Bacia de Santos. A autorização faz parte da Etapa 2 do projeto, que envolve 13 navios-plataforma do tipo FPSO (Floating, Production, Storage and Offloading), responsáveis pelos desenvolvimentos de produção, além dos testes de longa duração.

Esse é o segundo processo de licenciamento realizado dentro do polo pré-sal da Bacia de Santos (Foto: Divulgação)

O FPSO BW Cidade de São Vicente, que estará ancorado em lâmina d'água superior a 2000 m, tem capacidade para processar 30 mil barris por dia de óleo e 1,0 MM m³/dia de gás. A capacidade total de estocagem é de aproximadamente 472 mil barris de óleo (75 mil m³).