Hollande é vaiado durante homenagem de guerra

O presidente da França passava pela avenida Champs-Elysées até o monumento do Arco do Triunfo quando as vaias de pequenos grupos na multidão passaram a ser ouvidas

Comentar
Compartilhar
11 NOV 201313h58

O presidente da França, François Hollande, foi vaiado por manifestantes quando colocava flores no túmulo de um soldado durante uma cerimônia que marcava o fim da primeira guerra mundial.

O presidente passava pela avenida Champs-Elysées até o monumento do Arco do Triunfo sob um forte sol nesta segunda-feira quando as vaias de pequenos grupos na multidão passaram a ser ouvidas.

Gritos que pediam a renúncia de Hollande foram ecoados. Além disso, alguns manifestantes usavam bonés vermelhos que se tornaram o símbolo do movimento anti-impostos. Dezenas de manifestantes foram detidos pela polícia devido a uma série de infrações que incluía manifestação não autorizada e violência contra a polícia.

François Hollande foi vaiado por manifestantes nesta segunda-feira (Foto: Divulgação)