Gustavo Henrique projeta volta aos treinos do Santos em março

O zagueiro, que se recupera de cirurgia no joelho esquerda, está em fase final de transição aos gramados. Ele, porém, só deve voltar a atuar entre abril e maio

Comentar
Compartilhar
24 JAN 2017Por Diário do Litoral08h00
O zagueiro Gustavo Henrique está cada vez mais próximo do retorno aos gramadosFoto: Ivan Storti/SFC

O zagueiro Gustavo Henrique está cada vez mais próximo do retorno aos gramados. Em recuperação de uma cirurgia no joelho esquerdo, o atleta tem realizado sessões de fisioterapia no Cepraf (Centro de Excelência em Prevenção e Recuperação de Atletas de Futebol) nos últimos meses, mas já que voltar a trabalhar com os companheiros de Santos em março.

No último mês, o jogador ainda sentia dores no local, mas agora já está em fase final de transição aos gramados. Na última segunda-feira, por exemplo, ele voltou a correr na esteira. Os próximos passos são reestrutura muscular e depois fortalecimento no joelho. A boa evolução encheu o defensor de esperança para voltar a defender as cores do Peixe.

“A recuperação está excelente. No mês passado sentia um pouco de dor, mas já não sinto mais nada. Espero começar os trabalhos físicos ainda no início de março. A ideia é trabalhar no gramado, colocar chuteira. Além disso, devo começar a trabalhar o giro no joelho, porque ainda não tenho condições”, disse o jogador em entrevista ao Jornal Diário do Litoral.

Apesar da franca evolução, o torcedor do Peixe terá que aguardar mais um pouco para ver o camisa 6 novamente em ação. Por mais que volte a treinar no gramado em março, o atleta ainda terá que readquirir a melhor forma física e ritmo de jogo. A Comissão Médica do Peixe não quer pular etapas, mas a tendência é que ele volte a ser opção entre abril e maio.

“Eu não estou com um objetivo de retorno traçado, mas espero voltar a trabalhar o quanto antes. Preciso pegar ritmo de jogo, fazer jogo-treino... Então, leva um pouco mais de tempo para eu estar à disposição do Dorival (Júnior)”, completou.

Se levado em conta a previsão dos médicos do clube, a tendência é que Gustavo Henrique volte a atuar na fase final do Campeonato Paulista e nas últimas rodadas da fase de grupos da Libertadores 2017. A competição sul-americana, aliás, é a sua principal fonte de motivação para o retorno. Aos 23 anos, ele disputará o torneio pela primeira vez na carreira.

“A Libertadores, com certeza (é o principal objetivo para esta temporada). Estamos cada vez mais forte. Estamos amadurecendo. Temos experiência nacional. Eu acho que a mentalidade tem que ser diferente, porque sabemos que tem muita catimba. Times argentinos e uruguaios fazem de tudo para desestabilizar gente e precisamos estar atentos”, finalizou.