X

Cotidiano

Guarujá renova convênio de fiscalização náutica

A assinatura da renovação do convênio – que estava parado desde 2016 - aconteceu na manhã de ontem, na Sala de Reuniões do Gabinete, no Paço ­Municipal

Rafaella Martinez

Publicado em 26/10/2018 às 09:00

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

A Prefeitura de Guarujá voltará a garantir o reforço da fiscalização náutica em parceria com a Marinha do Brasil / Rodrigo Montaldi/DL

A Prefeitura de Guarujá voltará a garantir o reforço da fiscalização náutica em parceria com a Marinha do Brasil. A assinatura da renovação do convênio – que estava parado desde 2016 - aconteceu na manhã de ontem, na Sala de Reuniões do Gabinete, no Paço ­Municipal.

O convênio permite que os agentes municipais fiscalizem o acesso e o tráfego de embarcações nas praias da Cidade, o que em tese é feito apenas pela União. A cerimônia contou com a presença do comandante do 8º Distrito Naval Claudio Henrique Mello de Almeida e do capitão de Mar e Guerra, Daniel Américo Rosa Menezes.

“Em tese, a Marinha cuidará das embarcações na água e a Prefeitura poderá auxiliar nessa fiscalização na faixa arenosa. Isso nos permite analisar a documentação das embarcações e indiciar condutores que tenham ingerido bebidas alcoólicas ou que façam manobras irregulares. Em último instância, podemos proibir que a embarcação desça. Será uma dupla fiscalização que tem como objetivo garantir a segurança da população”, afirma Ana Valéria Amorim, diretora da ­força-tarefa.

De acordo com o prefeito de Guarujá, Válter Suman, a renovação potencializa um trabalho que já vem sendo desenvolvido nas 27 praias da cidade. “É um empenho de forças que terá como principal objetivo disciplinar as embarcações de pequeno porte e garantir a preservação da vida humana”, conta.

Áreas nebulosas

De acordo com o comandante do 8º Distrito Naval Claudio Henrique Mello de Almeida, o convênio permitirá a fiscalização em áreas onde a jurisdição é nebulosa, como a orla.

“A Prefeitura se coloca como uma importante aliada para inspecionar e fiscalizar as ações que podem colocar em risco a segurança. Esse apoio é essencial, uma vez que a Marinha se empenha em estar presente, mas não é onipresente em todas as praias do Litoral”, destaca.

Atualmente, o Comando do 8º Distrito Naval possui em vigor seis convênios, com as seguintes Prefeituras: São Paulo, São Bernardo, Santa Cruz da Conceição, Praia Grande, Guarujá e Capitólio (Minas Gerais). Outras 3 propostas estão em trâmite via Assessoria Jurídica deste Comando: Bertioga, Santos e São ­Vicente.

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Nacional

Armado com uma espada, homem invade hospital e ataca segurança; assista

Apesar do ataque, o segurança não ficou ferido e retirou o agressor da unidade médica

São Vicente

Padre que mais batizou em SV, Feliciano Martinez morre aos 86 anos

Feliciano Arrastia Martinez estava internado desde o dia 21 de fevereiro, no Hospital Casa de Saúde, em Santos

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter