Guarujá inicia formação de agentes comunitários

O curso atenderá os agentes das dez Unidades de Saúde Família da rede municipal

Comentar
Compartilhar
14 MAR 201315h47

Os agentes comunitários de Saúde desempenham um papel chave na Estratégia de Saúde da Família e potencializam a atuação da Atenção Básica no Município. Diante da importância que esses personagens têm para melhorar a qualidade de vida da população, a Prefeitura de Guarujá está disponibilizando um curso de formação dos cerca de 130 agentes que atuam nas Unidades de Saúde da Família (Usafas) da Secretaria Municipal de Saúde.

A “Aula Inaugural do Curso de Formação de Agentes Comunitários de Saúde” aconteceu nesta quarta-feira (13), às 14 horas no Sindicato dos Funcionários Públicos da Prefeitura de Guarujá (Rua Manoel Hipólito do Rego, 84 – Jardim Boa Esperança).

O curso tem duração de seis meses, entre aulas teóricas e praticas, e é promovido pelo Centro de Formação de Recursos Humanos para o Sistema Único de Saúde – SUS, da Secretaria do Estado.

De acordo com a coordenadora de Atenção Básica, Maria Ângela Segantini Cheida Faria, o curso de formação vem atender a necessidade de qualificação dos agentes após terem sua profissão regulamentada. “O agente comunitário desempenha um papel importante: é a ligação entre comunidade e Saúde. Os agentes são capazes de orientar as famílias quanto à utilização dos serviços de saúde e traduzir para as Unidades Básicas de Saúde a realidade da comunidade assistida”.

O curso atenderá os agentes das dez Usafas de Guarujá: Santa Cruz dos Navegantes, Vila Áurea, Jardim Progresso e Parque Estuário, Vila Zilda, Vila Edna, Sitio Conceiçãozinha, Jardim dos Pássaros, Cidade Atlântica, Cachoeira e Las Palmas.