Guarujá cria Comitê de Saúde da População Negra

No Dia Nacional de Denúncia contra o Racismo, a Prefeitura cria o Comitê e empossa nova composição do Conselho Municipal

Comentar
Compartilhar
08 MAI 201516h19

Para alertar a população, levar informações sobre as doenças que acometem, em sua maioria, os negros e afro-descendentes; e implantar políticas públicas espefícicas para o o segmento, a Prefeitura de Guarujá realizará o ato solene de criação do Comitê Técnico de Saúde da População Negra. O evento acontece nesta quarta-feira (13), às 16 horas, no gabinete da prefeita Maria Antonieta de Brito, no Paço Moacir dos Santos Filho (Avenida Santos Dumont, 800 – Santo Antônio).

A iniciativa marcará as ações pelo Dia Nacional de Denúncia contra o Racismo, instituído em 13 de maio, e acontecerá em conjunto com a posse da nova composição do Conselho Municipal da Participação e Desenvolvimento da Comunidade Negra.

A Assessoria de Políticas Públicas de Igualdade Étnica e Racial, ligada à Secretaria Municipal de Coordenação Governamental, irá atuar em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde para as implementar ações.

O Comitê será formado por um grupo gestor multidisciplinar que tem como atribuições assessorar a Secretaria de Saúde, atuando diretamente na implantação da política de saúde voltada à população negra e afro-descendente, que é mais vulnerável a doenças como anemia e traço falciforme, hipertensão, diabetes e glaucoma.

A composição do grupo contará com representantes da Vigilância em Saúde; Divisão de Atenção Básica (Unidades de Saúde da Família, Unidades Básica de Saúde e Programa HiperDia), Divisão de Especialidades; Divisão de Farmácia; Assessoria de Políticas Públicas de Igualdade Étnica e Racial; sociedade civil; Conselho Municipal de Saúde e Conselho Municipal da Comunidade Negra.