Guardas Civis de Guarujá fazem curso de Gestão de Comando e Liderança

O treinamento tem duração de duas semanas e será aplicado para 20 supervisores, sendo dividido em duas turmas

Comentar
Compartilhar
04 MAR 201517h48

A Prefeitura de Guarujá iniciou nesta semana o curso de Gestão de Comando e Liderança, voltado para os agentes da Guarda Civil Municipais que ocupam postos de supervisão. O treinamento tem duração de duas semanas e será aplicado para os 20 supervisores, sendo dividido em duas turmas. As aulas serão ministradas pelo corpo de graduados da própria corporação e por guarda civis convidados.

A ação é coordenada pela Secretaria de Defesa e Convivência Social. A primeira turma iniciou as atividades na última segunda-feira (2) e segue até o dia 13, das 7h45 às 18 horas, com intervalo para almoço. As aulas acontecem na sala de conferência do Estádio Municipal Antônio Fernandes, Rua Brasilina Desidério s/n, Jardim Helena Maria. A segunda turma terá início dia 16, com atividade até o dia 27.

O conteúdo aplicado será teórico e prático, passando por procedimentos de operações de excelência e abordando temas como Gestão de Comando, Rotinas Administrativas da corporação, Noções de Direito Aplicado, Educação Física e Policiamento Orientado para Solução de Problemas.

O treinamento tem duração de duas semanas e será aplicado para 20 supervisores, sendo dividido em duas turmas (Foto: Roberto Sander/PMG)

No primeiro dia de aula a palestra foi ministrada pelo guarda civil de Praia Grande, Djalma Silva dos Santos, que falou sobre Gestão de Comando. O segundo dia de aula foi prático e de atividade física, como o manuseio da tonfa (bastão ou tonga) e corrida, que foram aplicadas pelo GCM guarujaense Alexandre Antônio Quintério.

De acordo com o diretor da Guarda Civil, Mauro Noel de Jesus, essas instruções visam melhorar cada vez mais o atendimento aos munícipes e turistas. “O aperfeiçoamento técnico busca um olhar diferenciado dos graduados para a tropa, procurando a excelência dos serviços realizados pela Guarda. Porém, visando sempre à população”, explica Noel.