SABESP AGOSTO MOB

Guarda Civil Ambiental realiza fiscalizações em São Vicente

Entre elas, o resgate de uma coruja na área Insular e multa para um condutor de caminhão na área Continental

Comentar
Compartilhar
29 JUL 2020Por Da Reportagem18h17
A ação foi realizada para proteger o ninho e evitar acidentesFoto: Divulgação/PMSV

A Guarda Civil Ambiental de São Vicente, coordenada pela Secretaria de Meio Ambiente e Defesa Animal (Semam), efetuou na quinta-feira (23) o isolamento de um ninho de coruja buraqueira, no jardim da Praia do Itararé. A ação foi realizada para proteger o ninho e evitar acidentes. A ave permanecerá com a Guarda Ambiental até destinação final à natureza.

No mesmo dia, na parte da manhã, foi resgatado um cágado tigre d'água, fêmea, na Vila Valença, que passou por avaliação clínica e foi devolvido ao seu habitat.

Flagrante

Além dos cuidados com animais silvestres e marinhos, a Guarda Ambiental tem outras atribuições protetivas e preventivas. Na mesma quinta-feira (23), agentes flagraram um caminhão carregado com resíduos de construção civil, em direção a uma área de preservação, no Jardim Irmã Dólares (Área Continental).

O motorista informou que não possuía documentação de São Vicente e que o Cadastro de Transportes de Resíduos (CTR) era de Praia Grande. Já a carga, teria como destino a cidade de Mongaguá. Alegou, ainda, que estava na região para dar carona a um ajudante residente no bairro.

Porém, em contato com a Guarda de Praia Grande, a equipe de São Vicente contatou que havia problemas com destinações anteriores da mesma empresa, proprietária do caminhão. Por isso, o veículo foi escoltado até a divisa de Praia Grande, onde uma guarnição do município o aguardava para lavratura da multa.

Por parte de São Vicente, o condutor foi multado por falta de Controle de Transporte de Resíduos (CTR) e do Cadastro do Município (CM).