INSCRIÇÕES ABERTAS

Governo de SP abre 205 vagas em cursos profissionalizantes para o interior do Estado

As cinco opções de cursos têm duração de 120 horas e poderão ser realizadas ao longo de quatro meses no formato presencial

Da Reportagem

Publicado em 09/03/2023 às 14:16

Atualizado em 09/03/2023 às 14:19

Comentar:

Compartilhe:

Para se inscrever, os interessados devem acessar o site Novotec , fazer um cadastro e selecionar o município para verificar quais cursos estão disponíveis / USP Imagens

O Governo do Estado de São Paulo está com inscrições abertas para 205 vagas em cursos gratuitos para jovens de Marília, Ourinhos e Pompeia interessados em qualificação profissional. Leia também no site da Gazeta de S.Paulo.

Os cursos serão voltados para as áreas de Gestão e Negócios, Produção Cultural e Design, Tecnologia da Informação e Comunicação. Segundo o Governo, o objetivo é de atender às demandas atuais do mundo do trabalho e aos interesses daqueles que buscam qualificação para o primeiro emprego.

As vagas são distribuídas da seguinte forma: Marília (125), Ourinhos (25) e Pompeia (55).

Inscrições

Jovens entre 14 e 24 anos com ensino fundamental completo estão aptos a participar. O programa prioriza estudantes matriculados no ensino médio de escolas estaduais e de Etecs.

Para se inscrever, os interessados devem acessar o site Novotec , fazer um cadastro e selecionar o município para verificar quais cursos estão disponíveis. A comunicação com os inscritos será feita unicamente por e-mail, utilizando-se os dados pessoais de cada candidato informados no ato do cadastro no site.

As aulas têm previsão de início no dia 3 de abril e as inscrições vão até o dia 13 de março, destacando que o estudante não precisa realizar processo seletivo.

Os estudantes matriculados no ensino médio da rede estadual ainda terão direito a um auxílio de até R$ 600, divididos em quatro parcelas mensais, ao longo do curso. Para receber a bolsa, os jovens elegíveis deverão ter 75% de frequência no curso e não podem ser beneficiários de seguro-desemprego.

No caso dos estudantes de 14 e 15 anos, a renda familiar deverá ser de até três salários-mínimos, e o pagamento da bolsa será feito para o responsável legal indicado nos dados escolares. O pagamento de até quatro parcelas de R$ 150 será iniciado no mês subsequente do início das aulas, por meio do programa Bolsa do Povo, com cartão magnético do Bolsa do Povo.

Sobre as aulas

As cinco opções de cursos têm duração de 120 horas e poderão ser realizadas ao longo de quatro meses no formato presencial.

As aulas são presenciais, na unidade de ensino escolhida. As inscrições vão até o dia 13 de março e o estudante não precisa realizar processo seletivo.

Veja a lista de cursos:

  • Ajudante de Logística
  • Criação de Sites com Marketing Digital
  • Criação de Sites e Plataformas Digitais
  • Segurança Cibernética Fundamental
  • Tecnologia e Eletricidade Automotiva

Sobre a SDE

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), pasta do Governo do Estado de São Paulo, exerce papel fundamental para a reindustrialização e atração de investimentos com foco na geração de emprego e renda. É responsável por oferecer cursos de qualificação profissional de curto e médio prazo para atender as demandas atuais e futuras do mercado de trabalho.

Além disso, tem como instituições vinculadas a InvestSP, a Desenvolve SP e a Junta Comercial do Estado de São Paulo (Jucesp). A pasta possui programas voltados ao empreendedorismo e a linhas de crédito do Banco do Povo para pequenos negócios.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Santos

Centro Rebouças ganhará novas quadras de areia, em Santos

As novas quadras vêm reforçar ainda mais a superestrutura que o complexo oferece na Ponta da Praia

Guarujá

PAT de Guarujá oferece 34 vagas de emprego nesta quarta (19); confira cargos

Atendimento é realizado em Vicente de Carvalho

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter