GCM de Guarujá resgata cobra exótica criada ilegalmente

Réptil foi capturado na Enseada por Grupamento Ambiental e um indivíduo foi detido

Comentar
Compartilhar
21 FEV 2021Por Da Reportagem16h20
O réptil, que invadiu uma loja de roupas, é da espécie Corn snake, serpente nativa dos Estados UnidosFoto: DIVULGAÇÃO/PMG

O Grupamento de Defesa Ambiental (GDA) da Guarda Civil Municipal (GCM) de Guarujá recebeu na manhã da última quinta-feira (18), via Copom (Centro de Operações da Polícia Militar), um chamado para resgatar uma cobra, na região da Enseada. O réptil, que invadiu uma loja de roupas, é da espécie Corn snake, serpente nativa dos Estados Unidos, e escapou da casa de um homem que tinha a posse ilegal do animal.

A equipe do GDA fez a captura da cobra e, logo em seguida, deslocou-se até a casa do suposto dono do animal, que não possuía nenhuma autorização ou documentação para posse do bicho. O homem foi conduzido à Delegacia Sede de Guarujá, onde foi lavrado um boletim de ocorrência, ficando à disposição das autoridades policiais.

A Polícia Ambiental foi acionada e aplicou uma multa administrativa no valor de R$ 2.200,00. Ele vai responder também por crime ambiental, artigo 31-Introduzir espécime animal no País, sem parecer técnico oficial favorável e licença expedida por autoridade competente, que prevê pena de detenção de três meses a um ano, além de multa.

Corn Snake

A Corn snake é uma espécie norte-americana da subfamília Colubrinae, que subjuga sua presa por constrição. É conhecida como cobra-do-milho pela presença regular da espécie perto de celeiros, onde se alimentam de camundongos e ratos, que comem o milho armazenado.