Forte tremor na Bolívia causa desocupação de prédios em Santos

O Corpo de Bombeiros está no local. Até o momento não há informações de feridos

Comentar
Compartilhar
02 ABR 2018Por Caroline Souza11h33
Forte tremor obriga desocupação de prédios em SantosFoto: Rodrigo Montaldi/DL

Dois prédios do Gonzaga, em Santos, precisaram ser evacuados após tremores. A equipe dos Bombeiros e da Defesa Civil compareceram ao local e, após realizar os procedimentos necessários, autorizaram o retorno dos trabalhadores. Ao que tudo indica, os tremores são reflexo do abalo ocorrido na Bolívia. 

“Senti a cadeira balançar e uma tontura”, conta a médica Suzete Dal Secco. A secretária Carla Sofia achou que estava passando mal, mas logo depois foi avisada por outra secretária do mesmo andar que havia a orientação de evacuar o prédio. “Algumas pacientes idosas ficaram mais assustadas, mas a evacuação aconteceu sem problemas”. Ambas estavam em um prédio da Rua Barão de Paranapiacaba.

No prédio da empresa MSC, na Avenida Ana Costa, os tremores também foram sentidos. “Ocorreu um tremor fraco nos pavimentos superiores do nono e décimo andar, que motivaram a evacuação”, conta o gerente de safety, Vitor Silva. 

De acordo com o tenente do comando de área dos bombeiros da Baixada Santista, Pedro Santos, após receberem diversas ligações de que os prédios mais altos do Gonzaga estavam sentindo tremores, equipes de bombeiros foram destinadas ao local. “Fizemos a avaliação das vigas e pilares, onde está a carga estrutural do prédio e nada foi constatado”, informa. “Logo depois, a Defesa Civil chegou e nos informou do terremoto da Bolívia”. Constatamos que tratavam-se de reflexos disso e autorizamos o retorno aos prédios”, complementa.