Fiscalização apreende dois veículos por transporte escolar clandestino em Praia Grande

Ação teve início na quarta-feira (16) e segue ao longo do mês em escolas públicas e privadas, sempre em horários de entrada e saída de alunos

Comentar
Compartilhar
17 ABR 201413h52

Na tarde de quarta-feira (16), uma ação de fiscalização realizada em parceria da Prefeitura de Praia Grande com a Polícia Militar apreendeu e encaminhou para o Pátio Municipal dois veículos por realizarem transporte escolar clandestinamente na Cidade. O primeiro, uma Kombi branca, foi escoltada por agentes de trânsito e conduzida pelo proprietário. Já o segundo, uma Zafira vermelha, precisou ser rebocado, pois o veículo estava com a documentação vencida. O trabalho teve início na manhã do dia 16 e segue ao longo do mês em escolas públicas e privadas, sempre em horários de entrada e saída de alunos.

Durante as fiscalizações, organizadas de forma sigilosa para garantir mais eficiência do trabalho, as vans são abordadas por Policiais Militares e funcionários das Secretarias Municipais de Transportes (Setransp) e de Trânsito (Setran). Caso haja irregularidade, as crianças transportadas são encaminhadas pelo Conselho Tutelar para a escola, que se encarregará de comunicar os responsáveis, e o condutor responderá pela infração de trânsito e terá o veículo apreendido.

Praia Grande conta atualmente com 45 veículos regularizados para realizar o transporte escolar em unidades educacionais públicas e privadas. Os veículos autorizados para o serviço pela Setransp são identificados com adesivos laterais e frontais, possuem um selo colado informando a data de sua última vistoria e o condutor precisa portar a carteirinha de transportador. A atividade visa oferecer mais segurança aos estudantes, pois muitos destes veículos irregulares não possuem itens importantes para a qualidade do serviço.

Na tarde de quarta-feira (16), uma ação de fiscalização apreendeu dois veículos por realizarem transporte escolar clandestinamente na Cidade (Foto: Divulgação)

Além da fiscalização, a Prefeitura está intensificando também a campanha junto aos pais e responsáveis no horário de entrada e saída das escolas sobre a importância da contratação de veículos regulares.

De acordo com a secretária de Transportes, Raquel Auxiliadora Chini, a utilização do serviço de transportadores clandestinos é um risco para os estudantes. “Antes de conceder autorização para o trabalho, tomamos muito cuidado com a segurança das crianças que serão transportadas. Durante as quatro vistorias obrigatórias, duas realizadas pela Setransp e duas pelo Ciretran, são verificados itens de caracterização e de segurança dos veículos regulares. É uma questão que levamos muito a sério”.

Para verificar a situação do veículo junto à Setransp, ou realizar denúncias de possíveis transportadores clandestinos, o munícipe pode entrar em contato pelo telefone 3491-6064 ou pelo email [email protected]