Fique atento às dicas para evitar problemas com raios

Pessoas que estão nas ruas e em locais amplamente abertos como praias e campos devem redobrar os cuidados para não serem atingida

Comentar
Compartilhar
07 FEV 2019Por Da Reportagem19h01
O munícipe pode entrar em contato com a Defesa Civil pelos telefones 199 ou 3208-1000Foto: Rodrigo Montaldi/Arquivo DL

Temporais como os últimos na Cidade são comuns durante o verão. Com o ar mais quente, a água evapora com facilidade formando nuvens densas que despejam as chuvas. A estação mais quente do ano segue até 20 de março, período em que também são frequentes as ocorrências de raios.

Pessoas que estão nas ruas e em locais amplamente abertos como praias e campos devem redobrar os cuidados para não serem atingidas pelas descargas elétricas. O coordenador da Defesa Civil em Santos, Daniel Onias, orienta que "ao perceber o céu escuro, com nuvens densas, o melhor a fazer é procurar um abrigo em edificações, prédios e carros totalmente fechados, ou instalação subterrânea".

Para tirar dúvidas sobre situações de risco, o munícipe pode entrar em contato com a Defesa Civil pelos telefones 199 ou 3208-1000.

Como medida de prevenção, é possível receber por mensagens (SMS) os alertas da Defesa Civil do Estado sobre perigos naturais iminentes. O serviço fornece informações meteorológicas conforme o CEP cadastrado. Para receber a notificação, é preciso enviar mensagem de um telefone móvel para o número 40199, informando o CEP desejado e receber a confirmação. É possível cadastrar mais de um CEP. Para isso, basta enviar uma mensagem por vez. Não há limites de CEP que podem ser cadastrados.

Atenção aos cuidados fora de casa:

Fique longe de árvores, postes ou linhas de energia elétrica, pois podem atrair e conduzir raios.

Caso não haja cobertura por perto, é aconselhável agachar, colocar a cabeça entre as pernas e abraçar os joelhos e os pés, juntos, em contato com o chão.

Caso haja um grupo de pessoas, o ideal é manter uma distância segura de, pelo menos, 50 a 100 m entre cada um.

Nunca permaneça na água do mar, lagoas, represas, piscinas, locais altos ou campos abertos ou quadras.

Se durante um temporal ocorrer de algum cabo do sistema elétrico se romper (por queda de galhos de árvores ou raios, por exemplo), não toque nem chegue perto do local. Se o fio vier cair sobre um carro, a pessoa não deve tentar sair de dentro e ninguém deve se aproximar do veículo para tentar prestar socorro. Isole a área e acione imediatamente a empresa distribuidora de energia responsável.

Cuidados em casa

Evite a proximidade com tomadas, canos, janelas e portas metálicas. Mantenha-se longe de varais ou trilhos, fogões, geladeiras e torneiras, e não segure objetos pontiagudos ou de metal.

Nunca use aparelhos elétricos e eletrodomésticos, incluindo telefones celulares, durante as tempestades elétricas ou em locais com água e umidade, tampouco com as mãos ou os pés molhados. Desligue as tomadas durante as fortes tempestades.

Quanto a celulares, evite usá-los se estiverem conectados à tomada, carregando.

Não mexa no interior dos televisores e opte por mantê-los desligados durante as tempestades. Equipamentos eletrônicos sensíveis como computadores precisam de proteção especial contra descargas elétricas.

Colunas

Contraponto