Exposição e concurso de produções integram comemorações dos 60 anos da Unisanta

A exposição estará aberta ao público, de 1º/10 a 7/11, de terça a domingo, das 9h às 18h, na Pinacoteca Benedicto Calixto

Comentar
Compartilhar
21 SET 2021Por Da Reportagem17h22
A mostra foi apresentada em 2018, na sede das Nações Unidas, em Nova YorkA mostra foi apresentada em 2018, na sede das Nações Unidas, em Nova YorkFoto: Divulgação

O público poderá conferir as obras do premiado artista peruano Ivan Ciro Palomino e do concurso de produções artísticas escolares santistas na exposição Consciência: Girando pela Paz, de 1º/10 a 7/11, na Pinacoteca Benedicto Calixto. As atividades integram as comemorações do Jubileu de Diamante da Universidade Santa Cecília – Unisanta e a celebração do 1º ano de inauguração do Núcleo de Práticas Restaurativas “Profa. Nilza Pirilo Teixeira” (NUPRE).

As criações de Palomino apresentam questões sociais voltadas para a reflexão e conscientização do espectador e tem como temas a guerra e suas consequências, mudanças climáticas, liberdade de expressão, imigração, educação, entre outros. Na oportunidade, o artista apresentará uma série de 26 ilustrações de alta qualidade, no estilo gravura giclée (impressões digitais de arte feitas em impressoras a jato de tinta), feitas no papel Matt Fibre, que é ligeiramente texturizado e possui um grau de brancura agradável e quente.

“Cada obra é um personagem imaginário que nos conta seu problema” no qual “A arte permite construir caminhos de reflexão”. Para o artista, a mensagem visual pode ser tão poderosa hoje em dia, que pode chegar a cada canto do planeta mediante as redes de comunicação. “A arte pode unir fronteiras para um fim, o de conscientizar”, afirma o artista.

A mostra foi apresentada em 2018, na sede das Nações Unidas, em Nova York e algumas das obras que serão expostas em Santos foram parte de exposições coletivas em países como China, Irã, Polônia e outros.

Concurso - Destinado aos alunos de 8º. ano das escolas públicas e privadas de Santos, o concurso consistiu na produção de cartazes artísticos inspirados nos trabalhos de Palomino, cujas obras são voltadas para a Cultura de Paz e os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), da Agenda 2030 da ONU (Organizações das Nações Unidas).

Durante o mês de agosto, as alunas do curso de pós-graduação lato sensu em Justiça Restaurativa: construindo as relações humanas, da Unisanta, realizaram Processos Circulares com os estudantes inscritos no concurso artístico. Os três cartazes mais representativos dos alunos, sendo um de cada rede (municipal, estadual e privada), e escolhidos por uma comissão julgadora, serão integrados à exposição do artista peruano.

Pôsteres comemorativos - Estreitando ainda mais os laços entre a Unisanta e Ivan Ciro Palomino, assim como com o Consulado Geral do Peru em São Paulo, o artista plástico produziu e lançou dois pôsteres em comemoração ao 60º aniversário (Jubileu de Diamante) do Complexo Educacional Santa Cecília.

“É um prazer para mim apresentar estes dois pôsteres em comemoração aos 60 anos da Unisanta”, comentou Palomino, que pretende com as obras de arte: “ser um conector de mensagens de esperança, justiça e consciência”.

“A Universidade Santa Cecília tem por missão promover o conhecimento científico, tecnológico, artístico, cultural e desportivo, para formação e inclusão de cidadãos éticos e potencialmente aptos a contribuir com o desenvolvimento socioeconômico ambiental, no contexto da sustentabilidade. A Unisanta está no seleto grupo de 31 instituições brasileiras selecionadas para participar da United Nations Academic Impact (UNAI), associação internacional ligada às Nações Unidas (ONU) ”, explica a reitora, Profa. Dra. Sílvia Ângela Teixeira Penteado.

Exposição virtual – De acordo com a coordenadora do Programa Municipal de Justiça Restaurativa da Seduc/Santos e do Núcleo de Práticas Restaurativas (NUPRE) da Unisanta, Profa. Liliane Claro de Rezende, o público também poderá conhecer a exposição de forma virtual.

“A proposta de também oferecer uma exposição virtual visa à inclusão da rede de ensino educacional dos nove municípios da Região Metropolitana da Baixada Santista com o propósito de disseminar, ainda mais, a cultura de paz na perspectiva dos princípios e valores da Justiça Restaurativa (Educação Restaurativa) ”, afirma a coordenadora.

Sobre o artista - Ivan Ciro Palomino nasceu em Lima, em 1977. Realizou seus estudos na Pontifícia Universidade Católica do Peru e, atualmente, é editor-chefe de infográfica no Grupo Epensa (Empresa Periodística Nacional S.A.). O artista se caracteriza por mesclar o ambíguo, o real e o antagônico, ao juntar realidades simbólicas, às vezes acompanhadas de ironia e magia.

Entre suas notáveis conquistas profissionais está a primeira colocação de sua obra “Girando pela Paz” (cuja ilustração pode ser encomendada) no Concurso da Organização das Nações Unidas (ONU) “Um pôster pela paz", quando participaram mais de 4000 artistas de 125 países, em 2016.  Por conta dessa conquista, Palomino foi convidado a viajar para Nova York, onde recebeu seu diploma de reconhecimento pelas mãos do secretário-geral da Nações Unidas, Ban Ki-moon e do Mensageiro de Paz e ator, Michael Douglas.

Em setembro de 2017, a exposição “Consciência” foi para o Rio de Janeiro, organizada pelas Nações Unidas do Brasil e pelo Consulado do Peru no Rio de Janeiro. A mostra "Consciência" se tornou exposição itinerante e acontecerá pela primeira vez no litoral paulista, em Santos, a partir do dia 1º de outubro de 2021.

Aquisição das obras - Os interessados em adquirir uma ilustração oficial do artista poderão fazer a encomenda até a próxima quinta-feira, 23 de setembro, pelo e-mail [email protected] ou pelas redes sociais do artista no Facebook (@ivanciropalominoart), Instagram (@ivanciropalomino).

Serviço
Exposição Consciência: Girando pela Paz, do artista peruano Ivan Ciro Palomino, e concurso de produções artísticas escolares santistas
Aberta ao público, de 1º/10 a 7/11, de terça a domingo, das 9h às 18h, na Pinacoteca Benedicto Calixto, Av. Bartolomeu de Gusmão, 15, no Boqueirão, em Santos-SP.