Estudante relaciona favela e família e vence concurso de redação do Proerd de SV

Igor Bezerra Apolinário, de 10 anos, é aluno do quinto ano da EMEF Augusto de Saint Hilaire. Estudante falou das vivências, do exemplo dos pais e da expectativa para o futuro

Comentar
Compartilhar
27 JUN 2017Por Diário do Litoral20h00
Igor mora na México 70, uma das comunidades mais carentes de São VicenteFoto: Matheus Tagé/DL

O lugar onde vive e a importância da família foi o fio condutor da redação do estudante Igor Bezerra Apolinário, de 10 anos, que venceu o 2º Concurso de Redação do Programa de Educacional de Resistência às Drogas (Proerd) de São Vicente. O texto do menino, que mora na México 70, comunidade do bairro Vila Margarida, e é aluno da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Augusto de Saint Hilaire, obteve destaque entre os outros 16 finalistas representantes de escolas públicas e privadas do município.  

“Não imaginava que fosse ganhar o concurso. Eles (os pais) sempre falam para não se envolver com droga, que não importa onde a gente vive”, disse o tímido Igor, que está no quinto ano. O estudante, que gosta de ler e é fã do seriado Chaves, tem o sonho de ser policial como o instrutor do Proerd. “Eu tenho muitos amigos e gosto de dar conselho para eles”.

Igor mora na México 70, uma das comunidades mais carentes de São Vicente. Na redação, ele ressalta o fato de morar em uma favela, relacionando as vivências e traçando um caminho para o futuro: “Nós moramos na favela. Muitos garotos e até garotas fumam maconha, que é a droga mais vendida por aqui.

Meus planos são ser sempre diferente. Poder ter uma vida boa no futuro e dar orgulho pros meus pais, que nunca usaram nenhum tipo de droga e são mais que exemplos para mim”. O texto de Igor será publicado na íntegra na edição desta quarta-feira (28) do Diário do Litoral.

“O Igor é um filho bom e educado. A gente gosta do lugar onde mora e quem faz o lugar é a gente. Sempre falamos isso para ele. Eu quero o bem do meu filho. Que ele estude, trabalhe e seja alguém na vida. Que ele cresça e possa nos ajudar também”, afirmou a mãe Andreia Bezerra dos Santos.

Dedicado

A professora de Igor, Sonia Maria, disse que o estudante ficou muito emocionado ao saber do resultado do concurso. “Chorou muito quando soube. Ele é um menino muito dedicado, responsável, amigo, companheiro. Sempre busca ajudar o colega. Ele colocou o coração na redação. Ele passou sentimento. Vivemos em uma época onde os valores estão em falta, e é importante a participação da família na vida da criança. A maioria das vezes o comportamento ruim do aluno é causado por problemas de base familiar”, afirmou a docente que leciona há 35 anos em escolas públicas, sendo 23 deles na EMEF Augusto de Saint Hilaire.

O soldado Figueiredo, instrutor do Proerd que orientou a sala de aula de Igor, também falou da dedicação do aluno. “Quando li a redação dele já imaginei que estava entre as favoritas. É um bom garoto. Escreveu com o coração”, afirmou.

As redações foram escritas pelos alunos com o auxílio dos pais. O tema ‘Família e Drogas’, proposto pelo concurso, foi trabalhado em sala de aula pelos instrutores do Proerd e professores.

Concurso

O 2º Concurso de Redação do Proerd de São Vicente é realizado pelo 39º Batalhão de Polícia Militar do Interior (BPMI) em parceria com o Diário do Litoral, que fez a seleção final dos textos, a Associação Comercial de São Vicente e a empresa Bequisa. Esta edição envolveu 17 escolas públicas e privadas do município. Os alunos selecionados foram homenageados. O estudante campeão, que terá a redação publicada, e a sua respectiva escola receberam troféus.

“O intuito do concurso foi alcançado. A gente queria tirar das crianças o que elas achavam da família e do uso de drogas. A redação do Igor foi uma redação comovente. Me comoveu muito. Ele soube entrar no tema”, afirmou o cabo PM Arantes, coordenador do Proerd de São Vicente.

Para o prefeito de São Vicente, Pedro Gouvêa (PMDB), a parceria é um marco importante. “Tenho certeza que uma criança que ganha um concurso de redação e que tem publicado em um jornal da importância do Diário do Litoral jamais vai esquecer esse momento. Isso vai ficar guardado pelo resto da vida dela. É um valor agregado em sua vida, que ela poderá passar para outras gerações da sua família”, destacou o prefeito de São Vicente, Pedro Gouvêa (PMDB).

A premiação do vencedor do 2º Concurso de Redação do Proerd São Vicente foi realizada hoje (27), durante solenidade de formatura dos alunos do programa na área insular, no Ginásio de Esportes do Clube de Regatas Tumiaru.