Engenheiros sequestrados na Colômbia são libertados

De acordo com o comando militar da região, os três estavam em poder das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc).

Comentar
Compartilhar
31 JAN 201322h17

Os três funcionários da empresa de petróleo canadense Gran Tierra sequestrados quarta-feira (30) no departamento de Cauca, no Sudoeste da Colômbia, foram libertados. As informações foram divulgadas na tarde nesta quinta (31) pelo Exército colombiano. De acordo com o comando militar da região, os três estavam em poder das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc).

Até o momento, não foram revelados detalhes do sequestro e da libertação dos engenheiros. A Força Aérea colombiana informou ter intensificado as operações na região. Além disso, aeronaves foram utilizadas para localizar os três civis que teriam estado em poder da Frente 4, que faz parte da guerrilha. As Farc não assumem a autoria do sequestro.

É o segundo caso de sequestro de civis no país neste mês de janeiro. Há duas semanas, seis funcionários de uma mineradora no departamento de Bolívar, no Caribe colombiano, também foram sequestrados pelo Exército de Libertação Nacional (ELN), outra guerrilha em ação no país.