X

Cotidiano

Educação em foco: investimentos e mudanças impulsionam o ensino em Cubatão

Revitalizações internas, externas e repasses escolares são prioridade em 2024

Ana Clara Durazzo

Publicado em 07/02/2024 às 16:12

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

A Prefeitura está implementando iniciativas para elevar a qualidade do ensino e proporcionar um ambiente educacional ainda mais acolhedor e funcional para os estudantes. / Arquivo PMC

Em constante aprimoramento na área da educação, Cubatão traz novas transformações e investimentos na rede escolar para o ano de 2024, com volta às aulas para toda a rede no dia 19 de fevereiro. Por meio da Secretaria Municipal de Educação (Seduc), a Prefeitura está implementando iniciativas para elevar a qualidade do ensino e proporcionar um ambiente educacional ainda mais acolhedor e funcional para os estudantes.

Um dos pontos deste movimento é a revitalização das unidades municipais (UME) Prof. Dr. Luiz Pieruzzi Netto e Estado do Espírito Santo, na Vila Nova. Ambas estão passando por um processo de renovação, com foco na melhoria da fachada, incluindo o muro externo e o prédio das salas de aula. Mudanças possíveis graças ao Termo de Responsabilidade de Implantação de Medidas Mitigadoras ou Compensatórias (TRIMMC), resultado de um estudo de impacto de vizinhança.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Ainda reconhecendo a importância da dignidade nos espaços escolares, a Seduc investe no programa 'Avança Escola', que destina recursos de assistência financeira diretamente às Associações de Pais e Mestres (APMs) de cada unidade. "A iniciativa proporciona mais independência e desburocratiza ações das gestões escolares, agilizando serviços de manutenção e conservação", explica o secretário-adjunto de Educação Guilherme Amaral. Com o investimento de R$114,00 por aluno matriculado em escolas regulares, e o dobro (isto é, R$228,00) para escolas de período integral, as instituições Jayme João Olcese e João Ramalho receberam revitalização dos banheiros.

Segundo o secretário-adjunto, "além das melhorias físicas, a Seduc tem promovido a autonomia das escolas por meio do processo de gestão democrática". Com recursos financeiros diretos da secretaria, gestores escolares têm capacidade de realizar investimentos que atendam às necessidades específicas de suas comunidades educacionais. Isso inclui a aquisição de equipamentos tecnológicos de última geração, como telas interativas e mesas perspectivas, implementadas em várias unidades de ensino do município.

Calendário letivo – A Secretaria de Educação anuncia a republicação, com modificações, dos calendários letivos de 2024 para Educação Infantil, Ensino Fundamental e Educação Especial, bem como para a Educação de Jovens e Adultos (EJA). Na alteração, consta o aumento no número total de dias letivos, elevado de "200" para "204". A versão atualizada do cronograma escolar é oficializada pela edição nº1.417 do Diário Oficial Eletrônico, publicada no dia 16 de janeiro de 2024.

Escolas em Cubatão – Ao todo, o município conta com 51 escolas em seu sistema educacional, incluindo instituições de ensino regular, técnicas e exclusivas. Com os espaços, Cubatão segue empenhado em garantir acesso à educação de qualidade para aproximadamente 15 mil alunos. "Este compromisso com o crescimento e a excelência educacional reflete a visão progressista da cidade e sua dedicação em preparar as gerações futuras para um futuro promissor", afirma Guilherme.

Importante destacar que Cubatão investiu e tornou-se a cidade pioneira na Baixada Santista ao incluir telas interativas em todas as 250 salas de aulas do Ensino Fundamental. Os investimentos da Seduc nestes e outros equipamentos chegam a R$ 14 milhões. Saem as lousas de giz, entram em cena as telas digitais beneficiando mais de 9 mil estudantes do 1º ao 9º anos do Fundamental I e II. Os equipamentos possuem 90 polegadas, touchboard e internet.

Além disso, 200 mesas interativas (playtables) direcionadas à primeira infância já funcionam nas creches e salas de ensino infantil. Nelas, mais de 4 mil crianças podem ter aulas de meio ambiente, iniciação musical, trabalhar a questão da identidade, coordenação motora fina e grossa. A Seduc informa que o conteúdo oferecido pelas mesas interativas está alinhado às exigências da Base Nacional Comum Curricular, a BNCC, do Ministério da Educação.

Os investimentos da Seduc compreendem, também, melhorias no acesso digital como wi-fi nas escolas, além da infraestrutura de equipamentos: instalação de ares condicionados em todas as salas de aula, disponibilização de 400 TVs em creches e pré-escolas, disponibilização de carrinhos e bebê-conforto para todas as creches.

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Economia

Com prejuízo de R$ 500 mi, Carrefour anuncia o fechamento de 123 lojas

Entre as unidades fechadas, 16 são hipermercados da própria marca; os demais são de bandeiras Todo Dia, Nacional e Bom Preço

Polícia

Mulher é estuprada dentro de delegacia em Guarujá; agressor é preso

Funcionária da Delegacia Sede da Cidade sofreu a violência dentro de sua sala de trabalho; homem foi preso em flagrante

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter