Educação amplia em 65% oferta de recursos digitais para professores

Videoaulas, jogos, animações e infográficos fazem parte do Currículo+; pesquisa mostra que plataforma estimula a participação dos alunos em aula

Comentar
Compartilhar
23 FEV 201514h05

O programa Currículo+ está com quase 2.500 objetos digitais disponíveis para acesso de professores e alunos. O número é 65% maior do que o registrado há um ano, quando foi implantada a plataforma colaborativa que reúne opções de jogos, vídeos, animações e infográficos que dialogam com o currículo da Secretaria da Educação do Estado. O conteúdo moderniza a forma de ensinar e aprender e auxilia dentro e fora da sala de aula da rede estadual.

O crescimento do acervo reflete na boa aceitação da rede pelo programa. Em pesquisa feita nas escolas da capital e interior paulista que aderiram ao projeto, 94% dos professores concordam que o uso do Currículo+ junto aos estudantes pode promover melhorias na aprendizagem. Ainda segundo esse grupo, a plataforma motiva crianças e jovens e estimulam a participação deles em sala de aula.

Ao longo do último ano, aumentou também o número de professores que trabalham como "curadores" do projeto. Hoje são 75 colaboradores. Eles têm a missão de receber, analisar e classificar todo o material enviado pelos docentes da rede. Além disso, cabe a esses profissionais adequar as sugestões de atividades com o ciclo e o currículo mantido pela rede.

O programa Currículo+ está com quase 2.500 objetos digitais disponíveis para acesso de professores e alunos (Foto: Divulgação)

“A Secretaria acredita que os recursos tecnológicos fortalecem o trabalho dos professores. Por isso, investimos na formação ampla dos nossos docentes tanto para utilizar o Currículo+, quanto para que eles aprendam a produzir conteúdos digitais e compartilhar com a rede”, afirma Olavo Nogueira Filho, coordenador do Departamento de Tecnologia de Sistemas e Inclusão Digital.

Reforço escolar online

A partir de abril, alunos da rede estadual terão uma hora a mais de aulas de reforço de matemática e português. Serão indicados para estas turmas estudantes que apresentarem dificuldades na aprendizagem, indicados após as avaliações bimestrais. A novidade é uso da tecnologia nessa tarefa. Sob a responsabilidade da equipe do Currículo+, um jogo virtual está em fase de finalização e traz uma série de atividades, de forma dinâmica e interativa.