Editorial - ...enquanto isso na 'sala de situação'

Clique e confira em primeira mão o editorial da edição deste sábado (4) do Jornal Diário do Litoral

Comentar
Compartilhar
03 ABR 201514h11

A região da Alemoa foi sacudida ontem por uma série de explosões em tanques de armazenamento de combustível.

Desde o alto da Serra do Mar, a fumaça preta podia ser vista, e em todos os pontos da cidade de Santos o problema repercutia, seja em relação ao trânsito ou na alteração das rotinas.

Relatos dos moradores e trabalhadores em pânico, evacuação de empresas, interdição do canal do Porto, bombeiros vindos de São Paulo, várias foram as interferências ocorridas na Cidade. Diante desse ambiente de caos, onde estava o Prefeito Paulo Alexandre Barbosa, zelador do município?

Diante disso, fica a questão: onde estava o prefeito Paulo Alexandre Barbosa? (Foto: Matheus Tagé/DL)

Hoje o problema ainda persiste. O fogo consome o terminal, as explosões se seguem, há preocupação com a possibilidade de que um material especifico seja incendiado e uma fumaça tóxica tome conta da região.

Enquanto isso na 'sala de situação' tudo escuro. O chefe do executivo não interrompeu a folga do ponto facultativo para liderar a ocorrência e prestar informações a sociedade. 

Acéfala permanece a Cidade em meio a criticidade da situação.