Ecovias inicia nova etapa construtiva do 3º viaduto na entrada de Santos

Lançamento das vigas do viaduto Alemoa estava programado para a semana passada, mas devido ao mau tempo foi adiado para os próximos dias 11 e 12 de setembro

Comentar
Compartilhar
10 SET 2019Por Da Reportagem15h30
Os trabalhos previstos na entrada da cidade, sob a responsabilidade da Ecovias, já estão mais de 50% concluídosFoto: Divulgação/PMS

Em setembro, a reformulação da entrada de Santos alcança um novo estágio com as obras de melhorias que estão sendo executadas pela Ecovias na região. A concessionária inicia uma nova etapa de construção do terceiro viaduto, que será instalado na altura do km 64,5 da via Anchieta, no bairro do Alemoa.

Para erguer a estrutura, inicialmente, serão transportadas e lançadas oito vigas pré-moldadas nas noites desta quarta-feira (11) e quinta-feira (12), sendo quatro por período. As vigas serão encaminhadas do canteiro central, na altura do km 64,5 da via, em direção à pista norte, no mesmo quilômetro, onde vão ocorrer os lançamentos. A princípio os trabalhos começariam na última quarta (4), mas foram adiados por causa das chuvas.

Os serviços estão previstos para serem executados entre 22h e 5h, horário de menor movimento nas rodovias, para que haja o mínimo de impacto ao trânsito dos veículos. Os trabalhos serão realizados na faixa da direita e no acostamento da pista sentido São Paulo. O tráfego será direcionado pela faixa da esquerda.

Para garantir a segurança viária dos usuários e dos trabalhadores da obra, um esquema especial de tráfego foi organizado para realizar a operação. A Ecovias, em conjunto com o Policiamento Rodoviário, irá montar um comboio para redução da velocidade dos veículos a partir do km 65 da via. No local exato de instalação das vigas haverá o estreitamento da pista e os usuários serão devidamente alertados com placas de sinalização no trecho.

Balanço

Os trabalhos previstos na entrada da cidade, sob a responsabilidade da Ecovias, já estão mais de 50% concluídos. O viaduto Anchieta, o primeiro dos três previstos para serem construídos na região, já está com quase 100% da estrutura concluída e a previsão é que seja liberado para o tráfego até novembro deste ano.

Já o segundo viaduto, o Piratininga, está com 60% de sua estrutura pronta. Além disso, a passarela do km 62, cuja implantação foi iniciada no mês de julho, já conta com 75% dos trabalhos concluídos.

Entrada de Santos

Com investimentos de R$ 270 milhões, a entrada de Santos está sendo totalmente remodelada entre o km 59 e km 65 da rodovia Anchieta, para que o tráfego de entrada e saída da cidade ocorra apenas pelas pistas centrais, enquanto fluxo do porto se dê pelas pistas laterais. Para isso, a via marginal da Anchieta, que atualmente opera em mão dupla, será adaptada para funcionar apenas no sentido do Litoral, enquanto a SP-148 (Avenida Bandeirantes), sob jurisdição do DER, será adequada para operar apenas na direção da capital.

As obras preveem ainda a construção de três viadutos, nos km 62, km 64+560 e km 65, a implantação de vias locais para facilitar o acesso aos bairros Jardim Piratininga, Jardim São Manoel e São Jorge, uma ciclovia do km 60 ao km 65 da rodovia, ligando Jardim Casqueiro e Vila dos Pescadores, em Cubatão, à malha cicloviária de Santos e a implantação de duas novas passarelas nos km 62+500 e km 64+350, em substituição às existentes nestes locais.

A nova configuração elimina os conflitos viários existentes atualmente, melhora o acesso da via Anchieta aos bairros do entorno e à zona portuária, aumenta a capacidade de tráfego na região e oferece mais segurança viária aos usuários da rodovia.

Colunas

Contraponto