Cotidiano

E-commerce com artigos produzidos no sistema prisional completa 1 ano de funcionamento

A ação inovadora desenvolvida pela Fundação "Prof. Dr. Manoel Pedro Pimentel" Funap completa 1 ano de seu lançamento neste mês de março

Da Reportagem

Publicado em 31/03/2022 às 17:42

Compartilhe:

Na Baixada Santista, 10 reeducandos da Penitenciária 2 de São Vicente trabalham na produção de peças de artesanato / Divulgação

Durante seu primeiro ano de funcionamento, o e-commerce criado pela Funap recebeu a visita de 14 mil usuários, que conheceram e adquiriram os produtos confeccionados nas oficinas localizadas dentro das Unidades Prisionais Paulistas. Foram mais de 4.300 itens confeccionados para comercialização no site. Na Baixada Santista, 10 reeducandos da Penitenciária 2 de São Vicente trabalham na produção de peças de artesanato.

A plataforma dá aos consumidores a oportunidade de adquirirem produtos com valor social que são frutos de programas de ressocialização dentro do sistema prisional, estimulando o consumo consciente. 

O novo canal de vendas foi idealizado para se adaptar a mudança de hábito de compras dos brasileiros, impulsionada pela chegada da pandemia de Covid-19. "Com a pandemia, nós percebemos a necessidade de encontrar uma nova forma de comercialização, e aproveitando o crescimento das vendas virtuais, decidimos implantar esta ferramenta. Os resultados alcançados neste primeiro ano de funcionamento mostram que a Funap está no caminho certo e seguindo a tendência do mercado de vendas", destaca Henrique Pereira de Souza Neto, Diretor Executivo da Funap. 

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Estão disponíveis na loja virtual mais de 100 produtos de diversas linhas, como patchwork, bordado e crochê, além de máscaras de proteção e cadeira de rodas e de banho. Além disso, há também a produção de itens sazonais, que mantêm a atratividade da loja virtual. Os itens disponibilizados no site são produzidos nas Oficinas-Escola da Funap e os reeducandos que participam dessa produção são beneficiados com a capacitação profissional, geração de renda e a possibilidade de remição de pena, além de participarem de rotinas de trabalho, aprendizado e convivência. Atualmente, são 7 oficinas produzindo artigos para venda online, empregando 102 reeducandos e reeducandas. 

A plataforma possibilita a realização de pagamentos via cartão de crédito, com todos os certificados necessários para a realização de transações eletrônicas completamente seguras. Todo o valor obtido com as vendas é reaplicado nos Programas e Projetos da Fundação. Você pode conferir todos os itens no site da Funap

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Polícia

Homem é preso com entorpecentes em Mongaguá

Ocorrência faz parte de uma série de operações que visa atrapalhar o andamento do comércio de drogas

Esportes

Palmeiras perde para o Botafogo e fica na vice-liderança do Brasileirão

Vitória fez o Botafogo assumir a liderança da tabela com 36 pontos

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter