X
Cotidiano

Destinação Criança: doações podem ser feitas pela declaração do IR

Esta forma de doação, realizada diretamente na declaração do Imposto de Renda, é recente, com início em 2012

Já pensou em direcionar parte do que você pagaria de Imposto de Renda para o Fundo da Criança e do Adolescente, ajudando assim a financiar projetos e contribuindo para a realização de sonhos? Até o dia 30 de abril, é possível fazer a doação por meio da campanha Destinação Criança, que permite destinar 3% do valor devido do Imposto de Renda (no ato da declaração) ao fundo que financia projetos esportivos, culturais, profissionalizantes, de assistência social e educação, beneficiando muitas crianças e adolescentes de Santos.

Segundo o Secretário de Desenvolvimento Social, Flávio Ramirez Jordão, esta forma de doação, realizada diretamente na declaração do Imposto de Renda, é recente, com início em 2012, porém já gerou resultados positivos. "No ano passado as destinações feitas por meio da declaração representaram 25% do valor total de doações ao fundo. Além disso, de 2016 para 2017, tivemos um aumento de 43% nas contribuições desta natureza, refletindo em um aumento de quase 90% nas doações totais através do Destinação Criança, nesse período", afirmou Flávio.

Atualmente há seis projetos financiados pelo Fundo: Culturando - Cultura, Esporte e Cidadania ao alcance das crianças e adolescentes, da Associação Beneficente Mãos Entrelaçadas; Bem na Foto: Vitae Domini, do Instituto Brasileiro de Desenvolvimento Social; Colibri - Entrelaçando Escola e Comunidade, da União de Amparo à Comunidade de Escolas Públicas; Porto de Ideias, da Secretaria Municipal de Cultura; Capacitação Criativa, da Secretaria de Desenvolvimento Social e Anchieta Social, da Fundação Settaport.

O FMDCA está sob responsabilidade do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, CMDCA, e da Prefeitura de Santos.

Como doar

A doação só pode ser feita por quem faz a declaração do IR pelo modelo completo. Nessa opção, o interessado deve acessar a seção "doações diretamente na declaração". O próprio programa vai calcular o valor referente aos 3%. Depois, é só destinar a quantia para o FMDCA. Para quem tem valores a restituir, não há ônus algum, pois, posteriormente, o valor doado é totalmente devolvido pela Receita Federal, corrigido pela taxa Selic.

Antes de fazer a declaração do IR, o contribuinte pode também consultar o contador para saber se é possível fazer a doação. O passo a passo pode ser consultado no site: www.santos.sp.gov.br/cmdca, na página "Doação direto na declaração IR". Informações também pelo telefone 3202-1900.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

São Vicente

Gestantes recebem enxovais do Fundo Social de São Vicente

Encontro foi marcado por uma roda de conversa para participantes do projeto 'Acolhe Mãe'

Brasil

PF indicia empresa grega, dona de navio, por espalhar óleo pelo Litoral

Manchas surgiram em agosto de 2019 nas praias do Nordeste e se espalharam pelas demais regiões nos meses seguintes

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software