CAMPANHA DE 1 A 11

Defesa Civil alerta para tempestade e ondas de quase 2 metros na Baixada Santista

Passagem de uma frente fria pela costa do Estado criará condição para precipitações fortes e persistentes

Comentar
Compartilhar
26 FEV 2020Por Da Reportagem18h27
As áreas mais afetadas serão a Baixada Santista, Litoral Norte, Vale do Ribeira e São José do Rio PretoFoto: Nair Bueno/DL

A Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil (CEPDEC/SP) informa que, entre esta quarta-feira (26) e quinta-feira (27), a aproximação e passagem de uma frente fria pela costa do Estado criará condição para precipitações fortes e persistentes, espalhadas por todo o território paulista, acompanhada por descargas elétricas e rajadas de vento.

As áreas mais afetadas serão a Baixada Santista, Litoral Norte, Vale do Ribeira e São José do Rio Preto, com acumulados que poderão exceder os 100mm. 

A Defesa Civil de Santos alerta também que a frente fria deixará o mar agitado a partir da madrugada desta quinta-feira (27). De acordo com informações do Núcleo de Pesquisas Hidrodinâmicas da Universidade Santa Cecília (NPH-Unisanta), o nível do mar ficará elevado, podendo ultrapassar 1,8 metro na Baía de Santos, nesta quinta-feira (27), com pico por volta das 17h, e 1,9 metro no estuário, às 17h20.

De acordo com o Plano Municipal de Contingência para Ressacas e Inundações de Santos, o estado é de atenção. Se a previsão se mantiver, não são esperados impactos nas estruturas urbanas, mas há possibilidade de alagamentos pontuais nos períodos de maré elevada, podendo se intensificar com a ocorrência de precipitação elevada, conforme previsto pelos institutos de meteorologia.

Na sexta-feira (28) e sábado (29), a frente fria dispersará do Estado, porém a combinação de umidade com o calor propiciará condição para pancadas de chuva forte, seguidas por raios e vento.

Assim, em razão desses eventos, a Defesa Civil orienta a todos para ficarem atentos a qualquer sinal de perigo, como alagamentos, enxurradas, desabamentos, deslizamentos de terra e ocorrências relacionadas com raios e vento forte. Em caso de emergência, avise imediatamente a Defesa Civil (199) ou o Corpo de Bombeiros (193).