Decreto que permite reabertura parcial do comércio é publicado em Cubatão

Prefeitura autoriza a retomada gradual da economia segundo critérios do município na Fase Laranja do Programa "Retomada Consciente"

Comentar
Compartilhar
04 JUN 2020Por Da Reportagem21h11
Município entra oficialmente na Fase Laranja do Programa "Retomada Consciente"Foto: Rodrigo Montaldi/Arquivo DL

Foi publicado no diário oficial da cidade o decreto nº 11.247/2020 com as normas e regras para a retomada gradual das atividades comerciais, acompanhando a deliberação do Conselho de Desenvolvimento da Região Metropolitana da Baixada Santista (Condesb) de colocar a Região na Fase Laranja do Plano de Retomada da economia.

Com essa publicação, a partir desta quinta-feira, o município entra oficialmente na Fase Laranja do Programa "Retomada Consciente" do Governo do Estado de São Paulo. Com isso, estão autorizados a funcionar com restrição de 20% da capacidade total de atendimento e a obrigatoriedade de firmar compromisso para adoção dos protocolos gerais de saúde e higiene, além da manutenção dos serviços essenciais da Fase Vermelha, os seguintes estabelecimentos:

Comércio varejista e atacadista em geral, galerias e estabelecimentos congêneres;

Shopping da Comunidade em sistema de rodízio: boxes de número par funcionam em dias pares e boxes de número ímpar abrem em dias ímpares;

Prestação de serviço em geral, exceto hotéis, pousadas, chalés e estabelecimentos congêneres.

O Plano de retomada gradual de Cubatão prevê a abertura das atividades comerciais do Município em 4 Fases de 14 dias cada, perfazendo um total de 42 dias para a liberação das atividades na "nova normalidade". A mudança para as fases seguintes (Amarela, Verde e Azul) só será possível mediante estabilidade do número de casos novos e capacidade de leitos hospitalar para atendimento à demanda.

O retorno

Para retornar às atividades e obter a permissão para o funcionamento, segundo acordo de parceria firmado entre  a Associação Comercial e Industrial de Cubatão (ACIC) e a Prefeitura, o proprietário, sócio ou administrador do estabelecimento deve assinar o termo de compromisso e responsabilidade (realizar download do documento no site da Prefeitura de Cubatão) obrigando-se a cumprir os protocolos de distanciamento, higiene e sanitização de ambientes, de orientação de clientes e colaboradores, horários alternativos de funcionamento (escalas diferenciadas de trabalho) com redução de expediente, sistema de agendamento para atendimento, protocolo de fiscalização e monitoramento pelo próprio setor (autotutela).

Após assinatura, o documento digitalizado deve ser entregues à ACIC – Associação Comercial e Industrial de Cubatão por e-mail ([email protected]) ou presencialmente (Rua Bahia, 171 – Vila Paulista). Os arquivos do termo de responsabilidade estão disponíveis para download no site www.cubatao.sp.gov.br .

Termo de compromisso e Certificado de Aptidão – O Termo de Compromisso e Responsabilidade e o Certificado de Aptidão para respeitar as retomada gradual das atividades, como o Alvará de Licença, são indispensáveis além do cumprimento dos protocolos assumidos:

Todos os colaboradores deverão utilizar máscaras descartáveis ou de tecido duplo e os clientes não devem adentrar o estabelecimento sem utilizar máscaras;

Fornecer álcool em gel 70% e/ou pia com água e sabão para higienização das mãos até a altura dos punhos;

Os colaboradores que fazem parte do grupo de risco (idosos, gestantes, doentes crônicos) e aqueles que estejam com sintomas gripais devem ser afastados;

Nos estabelecimentos acima de 800m² é obrigatório aferir a temperatura de todos que adentrarem no comércio, colaboradores ou consumidores. Todos que aferirem temperatura acima de 37,8 graus, deverão ser orientados a procurar o serviço de saúde mais próximo e não poderão adentrar no estabelecimento;

Colocar marcação no piso, a uma distância de 1,5 metros em caso de filas no caixa ou balcões e manter janelas e portas abertas para permitir a circulação do ar;

No caso de ambientes climatizados, verificar o ar condicionado regularmente e manter os filtros e dutos higienizados e com a manutenção em dia;

Desinfetar com frequência os balcões, provadores cabides e corrimãos com álcool líquido 70%, principalmente após cada uso;

As máquinas de cartão devem ser desinfetadas com álcool 70% a cada uso;

Após o recebimento do pagamento realizar desinfecção das mãos com álcool em gel 70%;

Nas pias e banheiros deverão estar disponíveis sabonete líquido e toalha descartável para higienização das mãos;

Os colaboradores devem ser orientados a intensificar a higienização das mãos, principalmente antes e depois do atendimento a cada cliente e após entrar em contato com

superfícies de uso comum como balcões, teclados, mouses, maçanetas e máquinas de cartão;

Realizar procedimentos que garantam a higienização contínua do estabelecimento;

As lojas de calçados não poderão fornecer meias aos clientes para a prova do calçado;

As lojas de cosméticos não poderão disponibilizar amostras de maquiagem para provas;

Nas lojas de jóias, bijuterias e acessórios fica proibido a prova do produto;

Recomenda-se que as peças de vestuário não sejam provadas antes da venda. Caso sejam provadas, deverão ser passadas a vapor antes de serem recolocadas à venda, pois podem conter gotículas respiratórias servindo como fonte de infecção;

Após a venda das roupas deve-se recomendar aos clientes a lavagem das peças com água e sabão antes de guardá-las;

O shopping da Comunidade conhecido como "Camelódromo", funcionará em sistema de rodízio: as lojas pares abertas nos dias pares e as lojas ímpares abertas nos dias ímpares, não podendo gerar aglomeração;

Caixas e guichês deverão operar, preferencialmente, com proteção de vidro, policarbonato ou acrílico de fácil higienização, superfície lisa e antichamas;

Orientar os funcionários a, quando espirrar ou tossir, cobrir o nariz e boca com lenço descartável ou com o cotovelo. Nunca com as mãos;

Evitar o cumprimento com o toque das mãos, beijos ou abraços;

Afixar cartazes informativos, visíveis ao público, contendo as seguintes informações e orientações: higienização das mãos, uso do álcool em gel 70%, entrada obrigatória com uso de máscaras e manter distanciamento de 1,5 metros entre as pessoas;

Os responsáveis pelos estabelecimentos deverão incentivar, o máximo possível, o monitoramento e a fiscalização dos termos do próprio compromisso assumido;

Adotar para trabalhos administrativos, e outros quando possíveis, o sistema remoto (home office), escalas, revezamento de turnos e alterações de jornadas de trabalho para reduzir fluxos, contatos e aglomerações de trabalhadores, consumidores e usuários.

Fiscalização

A Vigilância Sanitária e aos técnicos da Secretaria de Finanças (Tributos) são responsáveis pela fiscalização do cumprimento das disposições e da aplicação das penalidades ao estabelecimento infrator. A progressão ou regressão das fases é exclusiva do Executivo Municipal, sob critérios e condições epidemiológicas.

Cores

O Plano de Retomada Gradual da Economia de Cubatão, de acordo com as diretrizes do Programa Retomada Consciente do governo estadual, estabelece ainda as seguintes fases para atingir a "nova normalidade" pós Covid-19:

Fase Amarela

A restrição da capacidade total de atendimento nesta fase é de 40%, mantendo as fases anteriores e a obrigatoriedade de firmar compromisso para adoção dos protocolos gerais de saúde e higiene, e ampliando o funcionamento para os seguintes estabelecimentos:

Abertura diária dos boxes do Shopping da Comunidade.

Consumo local em bares, restaurantes e similares.

Fase Verde

Impõem a restrição de atendimento a 60% da capacidade total do estabelecimento e mantém as obrigatoriedades e decisões das fases anteriores. Nesta fase, retornam à atividade hotéis, pousadas, chalés e estabelecimentos congêneres,

Fase Azul

A última fase do Plano de Retomada Gradual das Atividades Econômicas de Cubatão, com o controle da pandemia do Covid-19, libera todas as atividades, mantendo os protocolos de saúde e higiene. Retornam nesta última fase atividades que geram aglomerações: cinema, teatro, eventos em geral, inclusive esportivos.