Convênio para plantões gratuitos da OAB passa em 1a discussão

O convênio com a Ordem dos Advogados do Brasil de Cubatão (OAB) com a Prefeitura foi aprovado ontem, em primeira discussão

Comentar
Compartilhar
15 JAN 201321h53

O projeto do Executivo propõe a realização de plantões gratuitos para a população que não tem recursos para contratar ou consultar advogados.

Durante a sessão de ontem, o vereador Geraldo Guedes chamou a atenção para a possibilidade de cerca de 200 servidores municipais aposentados, classificados na faixa 1, não receberem os benefícios nesta quarta-feira.

O motivo, segundo o vereador, seria que os recursos para o pagamento dos aposentados não teriam sido repassados à Caixa de Previdência. Caso o pagamento não seja executado hoje, o Guedes afirmou que terá que ser pago ao menos até o meio dia de amanhã, porque senão só depois da próxima quarta-feira, em função dos feriados prolongados.

O funcionalismo municipal de Cubatão para amanhã às 12 horas e retorna somente no dia 3 de novembro. ”Isso é falta de planejamento e um desrespeito com essas pessoas”, declarou Guedes.

Procurada às 20 horas de ontem, a assessoria de imprensa da Prefeitura de Cubatão informou que, devido ao adiantado da hora, não seria possível confirmar com o secretário responsável a veracidade das informações.