Começa a Operação Verão em todo o litoral

Baixada, Litoral Norte e Ribeira terão mais 2,7 mil policiais, segundo Alckmin.

Comentar
Compartilhar
28 DEZ 201210h05

Começa nesta sexta-feira (28) a Operação Verão, com um reforço de 2,7 mil policiais. O reforço na segurança pública será mantido até o dia 31 de março, contemplando 15 municípios dos litorais norte e sul do Estado: Santos, Iguape, Ilha Comprida, Cananéia, Guarujá, Praia Grande, Bertioga, Monguagá, Itanhaém, Peruíbe, São Vicente, Caraguatatuba, Ubatuba, Ilhabela e São Sebastião.

“A Operação Verão vem para trazer conforto e segurança para o turista que vai para a Baixada”, disse o governador Geraldo Alckmin no lançamento da operação, em Santos, no último dia 21. “Policiais militares, civis e técnico-científicos já presentes na Região ganharão reforços para conseguir cumprir esse objetivo”, complementou.

Para a operação, serão deslocados 2.273 policiais militares, sendo 1.420 para o litoral sul e 534 para o litoral norte. Além do aumento do efetivo, outros 319 PMs de comando especializados, como Polícia Rodoviária, Polícia Ambiental, Academia de Polícia Militar do Barro Branco, Policiamento de Choque, Corpo de Bombeiros, Grupamento de Radiopatrulha Aérea e Corregedoria.

Só para a Baixada e Vale do Ribeira serão deslocados 2.273 policiais militares. (Foto: Luiz Torres/ DL)

A região do Vale do Ribeira e Baixada Santista receberão, em caráter permanente, 148 novas viaturas (84 carros Palios Wekeend e 64 motocicletas Yamaha Lander). Cinco helicópteros Águia também estarão à disposição, sendo três para o litoral sul e dois para o norte. Além disso, 415 guarda-vidas temporários atuarão no Grupamento de Bombeiros Marítimo (GBMar), com objetivo de reduzir o número de afogamentos através da prevenção de acidentes. Os guarda-vidas serão supervisionados pelo Corpo de Bombeiros.

Para o comandante do Corpo de Bombeiros, Coronel Reginaldo Campos Repulho, a contratação de temporários é uma inovação bem vinda. “Já tínhamos o bombeiro militar atuando como guarda-vidas, além de outros contratados pelos municípios. Agora, com esse reforço temporário, faremos com que os números de óbitos por afogamento nas praias seja reduzido”, disse.

Polícia Civil

A Polícia Civil levará 475 policiais para a Operação Verão, entre delegados, escrivães, investigadores, agentes policiais, agentes de telecomunicação e carcereiros.
Dez veículos Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos (Garra) do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) serão utilizadas, em conjunto com o Grupo de Operações Especiais (GOE) de Santos, para reforçar o efetivo, além de 236 viaturas do Departamento de Polícia Judiciária do Interior – 6, que estarão à disposição dos policiais civis.

Polícia técnico-científica

Os plantões do Instituto de Criminalística (IC) e do Instituto Médico Legal (IML) serão reforçados por técnicos e legistas que já atuam na região do litoral. A Polícia Técnico-Científica suspenderá férias, licenças e afastamentos das cidades de Santos, Praia Grande, Guarujá, Itanhaém e Registro, São Sebastião, Caraguatatuba e Ubatuba, durante a ação.