Câmeras registram 50 mil flagrantes em Santos

Segundo a Prefeitura, as ocorrências vão desde desrespeito ao Código de Posturas, como animais na faixa de areia, até crimes como furtos, roubos e tráfico de drogas

Comentar
Compartilhar
01 SET 201410h49

O Sistema Informatizado de Monitoramento (SIM) da Prefeitura de Santos já registrou cerca de 50 mil flagrantes na cidade, desde dezembro de 2006 quando começou a funcionar.

Segundo a Prefeitura, as ocorrências vão desde desrespeito ao Código de Posturas, como animais na faixa de areia, até crimes como furtos, roubos e tráfico de drogas.

Somente no ano passado, foram registradas pelas câmeras 5.806 ocorrências. Na última semana, duas foram registradas no José Menino: no início da madrugada do dia 24, os controladores das câmeras suspeitaram de um grupo de jovens que apresentava comportamento suspeito e flagrou o furto de celular no Parque  do emissário submarino.

A Polícia Militar foi acionada e os suspeitos foram presos com o produto do roubo e encaminhados ao 7º DP.  No dia seguinte, por volta das 00h30, três homens em duas bicicletas abordaram um munícipe e tentaram furtar o seu celular. A vítima conseguiu fugir e os suspeitos partiram em direção a São Vicente pela faixa de areia e acabaram detidos pela PM, que foi comunicada pelo SIM.

Cidade já conta com 281 câmeras e terá 519 até 2015 (Foto: Divulgação)

24 horas

A central, instalada no paço municipal, funciona 24 horas e conta com 40 profissionais que se revezam no monitoramento, entre guardas municipais, guardiões cidadãos, policiais militares e agentes da CET. Todas as imagens de crimes são arquivadas para serem utilizadas como prova pela Justiça. Denúncias também podem ser feitas pelo telefone 153 (gratuito).