Banner gripe

Bicicletas gratuitas já circulam por Santos

Segundo o prefeito Papa, a iniciativa, “Além de melhorar a qualidade de vida das pessoas, ajuda na mobilidade urbana”.

Comentar
Compartilhar
29 NOV 201220h59

A exemplo do que ocorre em algumas cidades brasileiras e em países da Europa, Santos passa a contar com locação gratuita de bicicletas. Denominado Bike Santos, o serviço foi inaugurado nesta quinta (29) no canal 2 com a orla pelo prefeito João Paulo Tavares Papa.

As bicicletas estarão distribuídas em 15 estações que contemplam o projeto na primeira etapa, com 150 bikes disponíveis à população (10 por estação). O objetivo é incentivar o uso do veículo de duas rodas sem custo, desde que o usuário esteja previamente cadastrado no site e obedeça as regras.

Segundo o prefeito Papa, a iniciativa, inédita na Baixada Santista, tem pontos positivos. “Além de melhorar a qualidade de vida das pessoas, ajuda na mobilidade urbana”.

O portuário Marcelo Eduardo Moura Ferreira, 45 anos, aprovou o projeto. “As bicicletas ajudam porque no caso de Santos, onde tudo é perto, fica fácil se locomover e, de quebra, cuidar da saúde”.

A empresa Serttel Ltda., vencedora do chamamento público realizado pela CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) é a responsável pela implantação do projeto.

As bicicletas estarão distribuídas em 15 estações que contemplam o projeto na primeira etapa (Foto: Matheus Tagé/DL)

Postos

Além da estação no canal 2, mais 14 estações serão oferecidas para uso comunitário na primeira fase: emissário submarino, canal 3/Concha Acústica, Aquário, Ferry-boat (duas estações), orla x canal 4/praça Santo Antônio do Embaré, rua Francisco Hayden (próximo ao Clube Internacional de Regatas), av. Pinheiro Machado x rua Moura Ribeiro, av. Francisco Glicério x canal 2, Sesc/rua Vergueiro Steidel, rua Lobo Viana (em frente à Universidade Santa Cecília) e praça Rebouças.  A av. Ana Costa receberá uma estação, a 15ª, com o término das obras de reurbanização no trecho entre a praia e a araça da Independência. A partir do final de janeiro, serão outras 15 estações, com mais 150 bikes.

Sistema

Composto de estações inteligentes, conectadas a uma central de operações via wireless, alimentadas por energia solar, o sistema será diário, das 6h às 22h, para retirada da bicicleta, e até as 24h, para sua devolução. A utilização da bike será gratuita pelo tempo máximo contínuo de 30 minutos e poderá ser devolvida em qualquer estação. Após 15 minutos, o usuário poderá novamente retirar outra bicicleta seguindo as mesmas normas.

Site

As informações sobre o projeto e termos de adesão e uso podem ser conferidos no endereço www.movesamba.com/bikesantos. A página contém as regras do sistema, além do cadastramento, onde o interessado fornece e-mail e número do celular, para desbloqueio da bicicleta, e nº de cartão de crédito.

No ato da adesão, o usuário autoriza o débito de R$ 10,00 no cartão de crédito a título da caução, que será utilizado caso haja desrespeito às regras. Para cada período de 30 minutos excedente é cobrada a taxa de R$ 5,00, e a cada retirada de bicicleta antes de cumpridos os 15 minutos de intervalo haverá multa de R$ 5,00, valores descontados da caução. Caso o usuário queira se descredenciar do Bike Santos, o valor integral da caução será restituído, desde que tenha utilizado a bicicleta dentro das regras previstas.

Funcionamento

Para retirar a bicicleta, o interessado deve ligar do celular para (13) 4062-9211, ou utilizar o aplicativo para smartphones tipo iPhone ou Android (app BikeSantos), instalado através do link www.movesamba.com/appbikesantos.

O usuário deve escolher uma posição livre, encaixar a bike e verificar se está devidamente travada. Caso a estação esteja sem espaço para a bicicleta, é preciso ligar para a Central de Atendimento ao Cliente: (13) 4062-1699.

Colunas

Contraponto