Bertioga firma convênio com faculdade de Medicina

Cidade receberá estudantes para estágio no Hospital Municipal

Comentar
Compartilhar
29 AGO 2021Por Da Reportagem19h11
Cidade receberá estudantes para estágio no Hospital MunicipalCidade receberá estudantes para estágio no Hospital MunicipalFoto: DIVULGAÇÃO

Visando melhorias na área da Saúde e Educação, a Prefeitura de Bertioga assinou nesta sexta-feira (27) um convênio com a Unoeste (Universidade do Oeste Paulista) para oferecer estágio e aulas práticas em ambiente hospitalar a partir de 2022. Com o acordo a Cidade recebe estudantes de Medicina para estagiar nas unidades municipais.

A atuação do convênio abrange as seguintes práticas: clínica médica, clínica cirúrgica, saúde mental, pediatria, urgência e emergência. De acordo com a secretária de Saúde, Janice Santos, as atividades acadêmicas direcionadas ao ambiente hospitalar somarão para qualificar ainda mais o atendimento na Cidade. "Com certeza fomentará as equipes multidisciplinares do nosso hospital em novas práticas metodológicas, impactando diretamente na qualidade do serviço ao munícipe", afirma.

A contrapartida será discutida em conjunto com a Unoeste e a Prefeitura de Bertioga, com a possibilidade de disponibilizar aos profissionais de saúde do munícipio cursos, parcerias, pós-graduação, capacitações, realização de projetos de pesquisa, parceria para residência médica, aquisição de equipamentos e até realização de reformas, além disso, os munícipes que aderirem à cota social, atenderem às condições sociais - como renda mínima, e passarem no vestibular poderão concorrer à bolsa de estudos de 100% no curso de medicina.

Sobre a Unoeste

A Universidade do Oeste Paulista nasceu em Presidente Prudente em 1972, quando foi criada a primeira faculdade da Apec (Associação Prudentina de Educação e Cultura), a Faclepp (Faculdade de Ciências, Letras e Educação de Presidente Prudente).

Em 1987, o campus II foi inaugurado, com cursos nas áreas das Ciências Agrárias, Humanas e Sociais Aplicadas. Neste mesmo ano, a Unoeste foi credenciada pelo MEC (Ministério da Educação) como universidade, e despontavam pavilhões, clínicas, Hospital Veterinário, Fazenda Experimental, prédios laboratoriais, centros agronômicos e zootécnicos e demais áreas destinadas ao ensino superior, à pesquisa científica e à prática constante da cidadania. Por isso, a Unoeste é a única instituição de ensino superior particular do Oeste Paulista com este título. Além de Prudente, a Universidade possui campi em Jaú e Guarujá.

No litoral paulista, a graduação médica teve início em março de 2019 em pavimento no Hospital Santo Amaro, com salas de aula, biblioteca, departamentos administrativos e laboratórios específicos, dentre eles: Microscopia, Morfofuncional, Bioquímica, Fisiologia/Biofísica, Farmacologia, Informática, além de Habilidades e Simulação.