Banner gripe

Bertioga alerta sobre riscos da tuberculose

Os agentes comunitários de saúde visitam moradores e passam orientações quanto à doença

Comentar
Compartilhar
22 MAR 2019Por Da Reportagem09h20
É importante que as pessoas estejam atentas à tosse de mais de três semanasFoto: Reprodução

Em março, mês nacional de combate à tuberculose, a Prefeitura realiza ações de prevenção. Os agentes comunitários de saúde visitam moradores e passam orientações quanto à doença e orientam pacientes que apresentam sintomas a procurar as Unidades Básicas de Saúde para realizar exames. Nas UBSs, durante as consultas, também são identificados casos.

Nas abordagens, os profissionais buscam pessoas com sintomas como tosse há mais de duas semanas, febre alta ou perda de peso, por exemplo. Para detecção, é feita coleta de exame específico (baciloscopia, a partir de coleta de escarro). Em caso de diagnósticos positivos, os pacientes são encaminhados para tratamento.

Além disso, como forma de prevenção, a Diretoria de Vigilância em Saúde realizou rodas de conversa nas Unidades Básicas de Saúde.

A tuberculose é uma doença infecciosa e transmissível que afeta prioritariamente os pulmões, embora possa acometer outros órgãos e/ou sistemas. A doença é causada pelo Mycobacterium tuberculosis ou bacilo de Koch.

No Brasil, a doença é um sério problema de saúde pública. A epidemia do HIV e a presença de bacilos resistentes tornam o cenário mais complexo. A cada ano, são notificados aproximadamente 70 mil casos novos e ocorrem cerca de 4,5 mil mortes em decorrência da tuberculose.

O principal sintoma é tosse seca ou produtiva. Por isso, recomenda-se que toda pessoa com tosse por duas semanas ou mais seja examinada.

Colunas

Contraponto