Ballet Lúcia Millás comemora Dia do Sapateado com aula aberta

Quem quiser conhecer um pouco mais da modalidade, poderá participar de uma aula aberta e marcar presença em mais uma festa do mundo da dança

Comentar
Compartilhar
20 MAI 201517h59

O Dia Internacional do Sapateado, comemorado em 25 de maio, será lembrado com uma atividade especial na Escola de Ballet Lúcia Millás, de Santos (SP). Quem quiser conhecer um pouco mais da modalidade, capaz de transformar sapatos em verdadeiros instrumentos musicais, poderá participar de uma aula aberta e marcar presença em mais uma festa do mundo da dança.

Como a data não poderia passar em branco, as professoras Daniela Libório Sant'Anna e Fernanda Ventura resolveram realizar uma atividade que interessasse tanto a quem já é aluno como também a novos adeptos. "O sapateado é uma dança que atrai pessoas de todas as idades e tem uma magia diferente, muito retratada em filmes e musicais. Queremos que mais pessoas conheçam e se deixem levar pelo tap dance", conta Daniela, que lembra ainda que a escola conta também com aulas de Sapateado Irlandês.

E o sapateado é mesmo para todos. A estudante de Medicina LaryssaMarzabal, de 22 anos, se rendeu ao sapateado há 13 anos e lembra que é preciso coordenação para acompanhar os passos agitados e cadenciados, mas revela que isso foi também o que a atraiu. "Me encantei com o fato de dançar e fazer sons ao mesmo tempo".

Já a advogada Daniella Laface Borges Berkowitz, de 40 anos, voltou recentemente a calçar os sapatos com chapinhas na sola. Quando criança, fez ballet clássico e contemporâneo, mas se apaixonou mesmo pelo sapateado. "Voltei às aulas em fevereiro. Sei que vai demorar para eu conseguir emitir um 'som limpo' com os meus pés, mas a cada semana acho que consigo progredir um pouco, o que já me deixa muito realizada e feliz. É uma dança contagiante e que tem feito muito bem para a minha alma".

O Ballet Lúcia Millás comemora  Dia do Sapateado com aula aberta (Foto: Divulgação)

E como comemorar o Dia do Sapateado? Para a estudante de Odontologia Gabriella Arbex, de 21 anos, a melhor forma, sem dúvidas, é sapateando. "É uma modalidade que traz alegria, leveza, prazer, momentos de distração, serve até mesmo de terapia e muito aprendizado".

No dia 25, adolescentes a partir de 14 anos, já com maior conhecimento de sapateado americano, poderão participar às 20h45 (turma avançada). No dia 26 é a vez das crianças de 7 a 13 anos fazerem aula às 10 e às 17h15. Já para os adultos, haverá duas aulas no dia 28, às 14 e às 19h30 (turmas básico e  iniciante).

O dia 25 de maio foi escolhido como Dia do Sapateado por ser a data de nascimento do sapateador Bill Robinson, conhecido pelo apelido de "Bojangles" ou Bill "Bojangles" Robinson, responsável por revolucionar a modalidade, transformando movimentos que aconteciam com o pé inteiro no chão, passando a fazê-los usando as pontas dos pés.

A Escola de Ballet Lúcia Millás existe há 46 anos e é considerada a mais tradicional escola de dança do litoral de São Paulo. A instituição é a única da região filiada à Royal Academyof Dance de Londres, a mais influente organização de exames de ballet clássico no mundo, presente em 80 países.