Bairro Jóquei Clube sofre com buracos e alagamentos

Entre bueiros quebrados, sem tampa, até crateras que se abrem no meio da avenida, as chuvas fortes só têm ­ajudado

Comentar
Compartilhar
03 AGO 2018Por Andressa Aricieri08h00
Além das crateras nas vias do Jóquei Clube, as calçadas também apresentam problemasAlém das crateras nas vias do Jóquei Clube, as calçadas também apresentam problemasFoto: Rodrigo Montaldi/DL

Entre bueiros quebrados, sem tampa, até crateras que se abrem no meio da avenida, as chuvas dos últimos dias só têm ­ajudado a piorar a situação dos moradores do bairro Jóquei Clube, em São Vicente, que reclamam há anos dos constantes buracos no local.

A Avenida Luis La Scala Junior é um dos exemplos do problema. Segundo um morador local, que preferiu não se identificar, “qualquer chuva já serve para encher, não tem vazão para a água”, relata ele, afirmando ações de outras pessoas para aterros clandestinos. Carros e até mesmo ônibus encontram dificuldade para passar, já que quando alaga não há noção da profundidade dos buracos.

Além desta, a Avenida Érico Veríssimo com a Salgado Filho se encontra com crateras de um pouco mais de 1 metro de diâmetro, cheios até o topo de água das chuvas. A proprietária de um bar na localidade apontou que estes buracos foram feitos pela Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) há pelo menos oito dias.  

Além da rua, as calçadas na frente do Jóquei Clube também estavam quebradas, dificultando a passagem de pedestres e os obrigando a passar pela rua, com possibilidade de acidente. Os trabalhadores que estavam no local afirmaram que a obra era “projeto de renovação de encanamento, e seguia pela avenida inteira”.

A Assessoria da Prefeitura de São Vicente, informa que, no início de julho, “foi assinado com a Sabesp um contrato de prestação de serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário. A Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas (Sedup) garantiu que enviará equipe aos ­locais citados para avaliar a situação e, posteriormente, realizar serviços de desobstrução de galerias e de manutenção das vias.”