Avalanches no Afeganistão matam mais de 260 pessoas

A maioria das vítimas – 186 – foi registada na província montanhosa do Panshir, a Norte de Cabul, segundo o governador da província, Abdul Rahman Kabiri

Comentar
Compartilhar
27 FEV 201517h10

Pelo menos 260 pessoas morreram nos últimos dias no Norte do Afeganistão por causa de avalanches provocadas por fortes quedas de neve, segundo o mais recente balanço das autoridades.

A maioria das vítimas – 186 – foi registada na província montanhosa do Panshir, a Norte de Cabul, segundo o governador da província, Abdul Rahman Kabiri.

Nessa região, depois de vários dias de fortes quedas de neve as avalanches soterraram por volta de 100 casas, cortaram as linhas de comunicação e bloquearam as estradas principais, dificultando as comunicações e o acesso dos serviços de socorro.

Em outras províncias do Nordeste do país, as autoridades contabilizaram 36 mortos no Badakhshan e vários em Baghlan, Parwan, Nuristan, Kunar, Laghman e Nangarhar. Também foram registradas vítimas mortais em Badghis (Noroeste) e Bamiyan (centro).

As avalanches são comuns nas zonas montanhosas do Afeganistão durante o inverno. Em 2012, uma avalanche numa região remota do Nordeste fez 145 mortos.