Atentado suicida mata ao menos 30 no Iraque

Segundo a brigada de incêndio local, dois carros-bombas foram detonados perto da sede policial e da telefônica de Kirkuk.

Comentar
Compartilhar
03 FEV 201316h14

Mais de 30 pessoas foram mortas em um atentado suicida duplo, que tinha como alvo o comando da polícia da cidade de Kirkuk, no Norte do Iraque.

Segundo a brigada de incêndio local, dois carros-bombas foram detonados perto da sede policial e da telefônica de Kirkuk, ferindo ainda outras 70 pessoas, entre elas, o chefe da polícia local, Sarhad Qader.

Após as explosões, dois militantes tentaram entrar no complexo que abriga o escritório de polícia com granadas, mas policiais acabaram matando a dupla.