Ataque de homens armados contra manifestantes deixa 15 feridos no Egito

Uma dúzia de mascarados dispararam contra manifestantes que estão acampados do lado de fora do palácio presidencial do Egito.

Comentar
Compartilhar
13 JAN 201309h39

Testemunhas disseram que uma dúzia de atacantes mascarados dispararam contra manifestantes que estão acampados do lado de fora do palácio presidencial do Egito, no Cairo, durante o mês passado, ferindo várias pessoas.

O paramédico Mohammed Sultan afirmou que 15 pessoas ficaram feridas no ataque, realizado na tarde de ontem (sábado, 12 de janeiro), incluindo nove membros das forças de segurança.

Segundo as testemunhas, os atacantes incendiaram tendas. Imagens de canais de TV egípcios mostraram que mais pessoas se juntaram aos protestos.

O protesto foi iniciado em 4 de dezembro por opositores do presidente islâmico Mohammed Morsi. Eles estão exigindo a anulação da nova constituição no país. 

Pelo menos 10 pessoas morreram em confrontos nas ruas fora do palácio no dia 5 dezembro quando partidários do presidente atacaram os manifestantes.