X
Cotidiano

Após três décadas, servidora de São Vicente se aposenta e ganha despedida surpresa

Dona do melhor café, de acordo com seus colegas de trabalho, Hercília foi pega de surpresa com uma despedida de agradecimento pelos serviços prestados

Divulgação/PMSV

Após três décadas de dedicação por São Vicente, a auxiliar de serviços básicos da Secretaria de Cultura, Esportes e Cidadania (Secec), Hercília Tartaglione, de 68 anos, concluiu seu ciclo como servidora da Prefeitura nesta quinta-feira (30).

Dona do melhor café, de acordo com seus colegas de trabalho, Hercília foi pega de surpresa com uma despedida de agradecimento pelos serviços prestados ao longo desses 30 anos. A moradora da Vila Margarida já havia tido um dia especial ao lado de alguns profissionais da Secec, mas não imaginava que quando chegasse ao local onde trabalhou por tanto tempo, fosse ser recepcionada com tanto carinho.

A vicentina foi contemplada com um buquê de flores, uma placa e um vídeo gravado por pessoas que, durante todos esses anos, marcaram presença em sua trajetória dentro do setor público. Dona Hercília se emocionou com a surpresa e agradeceu aos amigos. "Passa um filme na cabeça. Sempre amei e me dediquei ao trabalho.
Fui pega desprevenida por esses 'espertinhos'. Sentimento de gratidão imensa e dever cumprido".

Querida por muitos, ela também marcou a vida de outros servidores, como a Ana Carolina Leonel, que ingressou na Prefeitura há 15 anos. Hercília foi praticamente uma mãe, estendendo a mão para Ana Carolina em um dos momentos mais difíceis de sua vida. "Ela me recebeu de braços abertos, sempre com muito amor e carinho. E é assim até hoje. Quando passei por dificuldades financeiras, inclusive, a dona Hercília me ajudou e muito", relatou a profissional que, com muita emoção deu um abraço de despedida na aposentada e disse: "Você fará muita falta. Eu te amo demais".

Uma das participantes dessa homenagem foi a subsecretária de Cultura, Elizangela Bafini, que enalteceu o trabalho de Hercília e pontuou as características mais cativantes da mais nova aposentada. "A dona Hercília representa o que é o servidor, a pessoa que, literalmente, serve o próximo. Ela deixa um legado inesquecível para nossa secretaria. Falar dela é falar de amor. Sempre me recebeu com carinho e educação. Além daquele tradicional 'quer um cafezinho?', que certamente irá marcar a minha vida".

Em seu discurso, Elizangela também ressaltou que a Secec segue sendo a casa da vicentina. "Venha nos visitar quando quiser. Estaremos sempre de portas abertas. A senhora é parte dessa história".

Os 30 anos de setor público - Já parou para pensar no que se passava no Brasil há três décadas? A internet ainda engatinhava no País; o primeiro celular tinha acabado de desembarcar em território nacional; a Seleção Brasileira não era nem sequer tetracampeã mundial. Obviamente, muita coisa mudou, e a dona Hercília acompanhou de perto essa evolução, dedicando-se, incansavelmente, à Cultura da Primeira Cidade do Brasil. 

Ela começou na Secretaria de Educação (Seduc), trabalhando no setor por 18 anos. Os outros 12 foram dentro da Secec, à frente das Oficinas Culturais. "Vivi muita coisa por aqui. Essa cidade é parte da minha história. Amo São Vicente e amarei pra sempre", declarou.

Futuro - Agora, Hercília, que tem quatro filhos, oito netos e duas bisnetas, vai aproveitar o novo ciclo de sua vida. Entretanto, ela já admitiu que será difícil se desligar totalmente do trabalho. "Trinta anos não são trinta dias. Eu amo o que fiz por aqui. Mas, agora, vou cuidar dos meus netinhos e bisnetinhas, viajar e aproveitar a vida. Porém, claro, em momentos especiais, como o da Encenação, quero estar à disposição para ajudar".

Hercília encerrou seu ciclo como servidora detalhando a importância do incentivo à Cultura em São Vicente. 

"Vivemos na primeira cidade deste país. Já pararam para pensar em quantas curiosidades temos para contar? Esse é um dever de todos nós. Despeço-me da Prefeitura, mas as histórias não saem de mim. E vou continuar, com orgulho, honrando a cultura do nosso município".

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

ELEIÇÕES 2022

Com 'efeito Janones', Lula sobe 4 pontos e se distancia de Bolsonaro

Pesquisa BTG/FSB revela que 'efeito Janones' e conversão de indecisos turbinam campanha de Lula, que sobe para 45% nas intenções de voto

ELEIÇÕES 2022

Prazo para pedir voto em trânsito termina nesta quinta; veja como fazer

Requerimento para votar em trânsito precisa ser feito presencialmente

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software