Agendamento de consultas e exames em Santos já tem novo 0800 e capacidade dobrada

A Central de Agendamentos tem agora 40 atendentes (antes eram 19), com capacidade de agendar até 40 mil procedimentos por mês

Comentar
Compartilhar
11 NOV 2019Por Da Reportagem18h02
O agendamento de consultas e exames especializados na rede municipal de Saúde está sendo ampliadaFoto: Divulgação/PMS

A marcação de consultas e exames especializados na rede municipal de Saúde está sendo ampliada pela Prefeitura de Santos. A Central de Agendamentos tem agora 40 atendentes (antes eram 19), com capacidade de agendar até 40 mil procedimentos por mês (média atual é de 20 mil/mês), e conta com novo número de atendimento aos munícipes (0800-9425055), aceitando ligação tanto de telefone fixo quanto de celular.

"Esta nova estrutura está funcionando com muitas diferenças para melhorar o atendimento. Com o novo sistema e profissionais especializados, vamos agendar mais consultas e teremos respostas mais rápidas para a população", ressaltou o prefeito Paulo Alexandre Barbosa em visita à nova central.

"Queremos também conscientizar os pacientes sobre a importância do comparecimento, pois ainda temos um alto índice de faltas, que gira em torno de 30%", complementa o secretário municipal de Saúde, Fábio Ferraz.

Três dias antes da data da consulta ou exame, a central entrará em contato com o paciente para confirmação da sua ida, permitindo o reagendamento em caso de necessidade e a marcação de outro usuário no seu lugar. O paciente também poderá ligar neste prazo de até três dias para o cancelamento.

A ampliação do serviço foi possível após licitação realizada pela Prefeitura de Santos para contratar empresa de teleatendimento (call center). A vencedora foi a Imperatriz Tele Serviços Ltda., que selecionou os novos atendentes por meio do Centro Público de Emprego de Santos. O contrato tem vigência de 12 meses – podendo ser prorrogado por até 60 meses – com valor anual de R$ 1,6 milhão (R$ 133 mil/mês).

Como funciona

O atendimento da central será de segunda a sexta, das 8h às 20h, com os atendentes divididos em dois turnos de seis horas (20 profissionais por período). Eles ficarão responsáveis por ligar aos pacientes da listagem eletrônica, que segue a data do pedido médico e urgência do caso, além do recebimento das chamadas telefônicas.

Antes, o serviço contava com o trabalho de servidores municipais, os quais atuarão em conjunto com os novos atendentes num período de transição de 30 dias e, depois, serão deslocados para outros setores da Secretaria de Saúde, entre eles a Seção Central de Agendamentos (Seagen), que marca os procedimentos de alta complexidade nos hospitais prestadores do Sistema Único de Saúde (SUS).

Mais de 140 exames especializados serão agendados

A Central de Agendamentos foi implementada pela Prefeitura em maio de 2017 e vem sendo ampliada gradativamente. Ela encaminha os pacientes das policlínicas (Atenção Básica) para as consultas com médicos dos Ambulatórios de Especialidades (Ambesp) em 68 áreas (cardiologia, ortopedia, dermatologia e outras), consultas de retorno com os especialistas e exames de raios-X, ultrassom e mamografia.

A partir da contratação da empresa de telesserviço, a central absorve também os agendamentos dos 141 tipos de exames especializados oferecidos na rede municipal (exames oftalmológicos, endoscopia, eletrocardiograma etc.), trabalho que antes cabia aos servidores dos Ambesps.