X
Cotidiano

Acusada de raptar crianças para fazer rituais, mulher foi espancada e morta em Guarujá

O DLCast tem como base o entretenimento, resgatando as histórias mais sombrias de toda a Região e, ainda, relembrando causos e crimes que foram marcantes por aqui

Acusada de raptar crianças para fazer rituais, mulher foi espancada e morta em Guarujá. / Reprodução/Redes Sociais

No 14º episódio do DLcast os jornalistas Jeferson Marques e LG Rodrigues relembram o assassinato de Fabiane de Jesus, em Guarujá, vítima de uma notícia falsa e espancada até a morte acusada de sequestrar crianças para realizar rituais de magia negra.

Os detalhes dessa crueldade ainda chocam e, 7 anos depois, quem foi punido? Como se deu o desfecho dessa triste memória da nossa Região?

Para saber desses detalhes basta clicar no vídeo abaixo e dar play:

Ou, se preferir, acesse a sua plataforma digital favorita nos seguintes links:

APPLE PODCASTS: apple.co/3kavmDT
GOOGLE PODCASTS: bit.ly/3iKblUa
SPOTIFY: spoti.fi/3qanyWP

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram e mantenha-se bem informado.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

ELEIÇÕES 2022

Janones critica 'arrogância' de discurso da esquerda no Twitter

'Arrogância de setores da elite intelectual não lhes permite compreender que João Gomes forma mais opinião que Chico e Caetano', escreveu

Meio Ambiente

Desmatamento na Amazônia caminha para se tornar incontrolável, dizem especialistas

Com os níveis atuais de desmatamento registrados -com diversos meses com destruição amazônica acima dos 1.000 km²-, os compromissos climáticos internacionais do Brasil podem ficar em xeque, especialmente a redução da emissão de gases-estufa

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software